PUBLICIDADE
Topo

Ficção e porcaria, diz Bolsonaro sobre filme brasileiro indicado ao Oscar

Ficção e porcaria, diz Bolsonaro sobre filme brasileiro indicado ao Oscar

Hanrrikson de Andrade

Do UOL, em Brasília

14/01/2020 10h19

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) atacou o documentário Democracia em Vertigem, da cineasta brasileira Petra Costa, confirmado como um dos concorrentes ao Oscar. Ao deixar o Palácio do Alvorada, na manhã de hoje, o mandatário chamou a obra, lançada globalmente pela Netflix, de "ficção" e "porcaria".

O filme mostra bastidores do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, rival política de Bolsonaro, e narra a ascensão e queda do PT no governo. "Ficção. Para quem gosta do que o urubu come, é um bom filme", ironizou ele.

Questionado se havia visto "Democracia em Vertigem", o presidente rechaçou a ideia: "Vou perder tempo com uma porcaria dessas?".

Vou perder tempo com uma porcaria dessas?

Em Democracia em Vertigem, Costa faz um retrato do processo que tirou Dilma da presidência do Brasil, em 2016, a partir de um ponto de vista pessoal, misturando sua história familiar com a trajetória política do país. A história começa a ser contada a partir do primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 2003, e segue analisando a posterior crise política no Brasil.


Em entrevista ao UOL, Petra Costa defendeu seu trabalho. "Em uma época que as fake news se espalham de uma forma tão viral, é fundamental que a imprensa possa documentar isso. Nosso documentário faz factcheck (verificação de fatos) do começo ao fim e eu exponho as minhas dúvidas, experiências e preocupações. Espero que a imprensa possa a ajudar a esclarecer fake news como essas em vez de espalhar", comentou a diretora.

No agregador de críticas Rotten Tomatoes, Democracia em Vertigem tem 96% de aprovação entre os críticos mais influentes. O filme teve estreia no Festival de Sundance, em janeiro de 2019, e chamou atenção da crítica e imprensa especializada pelo circuito de festivais nos quais foi exibido. O documentário, lançado globalmente pela Netflix em junho do ano passado, já vinha surgindo como nome forte nas premiações. Ele foi indicado ao Critics' Choice Documentary Awards, ao Gotham Awards e ao IDA Documentary Awards.

Democracia em Vertigem, vale lembrar, é mais um em uma longa lista de filmes brasileiros que já concorreram ao maior prêmio do cinema, ao lado de produções como Cidade de Deus e Central do Brasil.