PUBLICIDADE
Topo

Bong Joon Ho, por "Parasita", ganha Oscar de melhor direção

Bong Joon Ho recebe de Spike Lee o Oscar de Melhor Diretor por "Parasita" - REUTERS/Mario Anzuoni
Bong Joon Ho recebe de Spike Lee o Oscar de Melhor Diretor por "Parasita" Imagem: REUTERS/Mario Anzuoni

Do UOL, em São Paulo

10/02/2020 00h55Atualizada em 10/02/2020 01h52

Bong Joon Ho ganhou o Oscar de melhor direção por Parasita. Esta foi a terceira estatueta para o filme sul-coreano, que recebeu quatro estatuetas no total. Joon Ho superou Martin Scorsese, por "O Irlandês", Todd Phillips, por "Coringa", Sam Mendes, por "1917", e Quentin Tarantino, por "Era uma vez em...Hollywood".

Parasita foi o maior vencedor da noite e também venceu como melhor filme, melhor filme internacional e como melhor roteiro original.

"Depois de ganhar como melhor filme internacional, eu achei que já tinha acabado, que já estava pronto para relaxar. Quando eu era jovem, dizia-se um ditado 'o que é mais pessoal, é mais criativo'. Essa citação é do Martin Scorsese", disse Bong Joon Ho, aplaudido de pé pelo Dolby Theatre lotado.

"Eu ser indicado é um honra incrível, inacreditável. Quando as pessoas não conheciam o meu filme, Tarantino sempre colocava o meu filme na lista dele. Então, o meu muito obrigado", disse o diretor, referindo-se ao concorrente da categoria. Bong Joon Ho também promoveu aplausos para Scorsese, visivelmente feliz com a vitória do Coreano: "Eu estudei os filmes dele, é uma honra estar concorrendo ao lado de Scorsese".

"Muito obrigado. Agora eu vou embora beber até amanhã de manhã", finalizou o cineasta.

Oscar