Topo

A$AP Rocky é acusado oficialmente de agressão na Suécia, após 3 semanas de prisão

15.abr.2016 - O rapper A$AP Rocky se apresenta no primeiro dia do Coachella Festival 2016, em Indio, Califórnia - Getty Images
15.abr.2016 - O rapper A$AP Rocky se apresenta no primeiro dia do Coachella Festival 2016, em Indio, Califórnia Imagem: Getty Images

Caio Coletti

Do UOL, em São Paulo

25/07/2019 10h58

A$AP Rocky foi oficialmente acusado de agressão por um confronto com dois homens nas ruas de Estocolmo, na Suécia, no final de junho. O rapper está preso no país europeu há mais de três semanas, mas só agora a acusação foi oficializada, após investigações. As informações são da Variety.

Os dois rapazes envolvidos no incidente com Rocky também vão enfrentar acusações. O rapper e seus advogados alegam que ele agiu em legítima defesa, e que os homens estavam o perseguindo pelas ruas de Estocolmo, se recusando a parar mesmo após aviso dos guarda-costas de Rocky.

"Hoje eu comecei o procedimento legal contra os três indivíduos envolvidos no incidente. Cheguei a conclusão que os eventos em questão constituem um crime, apesar de alegações de provocação e legítima defesa", comentou Daniel Suneson, promotor público do caso.

Antes de ser preso, Rocky postou vídeos do incidente no Instagram, tentando provar sua inocência. A gravação mostra os rapazes sendo avisados para não seguirem o rapper pelas ruas. Em um comentário, Rocky alegou que um dos rapazes agrediu seu segurança com um headphone.

Durante o fim de semana, o presidente dos EUA, Donald Trump, se envolveu no caso. Ele deu declarações públicas de apoio a Rocky e conversou com o primeiro-ministro sueco, após apelo de Kanye West e Kim Kardashian, casal amigo do rapper.

Mais Rap gringo