PUBLICIDADE
Topo

Diretor de "Vingadores" diz que Chris Evans não deixará de ser Capitão América

Capitão América em cena de "Vingadores: Guerra Infinita" - Reprodução
Capitão América em cena de "Vingadores: Guerra Infinita" Imagem: Reprodução

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

29/11/2018 14h50

O diretor Joe Russo, metade da dupla de irmãos que comandou "Vingadores 4", disse em entrevista à agência "Associated Press" que Chris Evans não deixará de ser o Capitão América após o filme, que estreia no dia 2 de maio de 2019.

A especulação em torno da suposta despedida de Evans do papel veio com uma emocionada mensagem deixada pelo ator no Twitter após o último dia de filmagens de "Vingadores 4".

LEIA MAIS:

Falando sobre o tuíte de Evans, Russo comentou: "Eu acho que [o fim das filmagens] foi mais emocionante para ele do que para nós. Mas, sabe, ele ainda não acabou [de interpretar o papel]".

"Eu gostaria de explicar o que isso significa, mas o público logo vai entender o que eu quero dizer", provocou ainda o cineasta. 

O próprio Evans já havia esclarecido após o tuíte que sua despedida das filmagens de "Vingadores 4" não significava, necessariamente, uma despedida do personagem de Capitão América.