PUBLICIDADE
Topo

'Se Joga, Charlie': série com Idris Elba é cancelada na Netflix

Idris Elba em "Se Joga, Charlie" - Reprodução/YouTube
Idris Elba em "Se Joga, Charlie" Imagem: Reprodução/YouTube

Do UOL, em São Paulo

27/04/2020 15h18

"Se Joga, Charlie", comédia estrelada por Idris Elba, não terá segunda temporada na Netflix. A plataforma de streaming anunciou hoje o cancelamento do título, que estreou seu primeiro ano em março do ano passado. A informação é do The Hollywood Reporter.

Na série, Elba interpretava Charlie, que mentia para os pais ao dizer que tinha se tornado um magnata do mundo da música. Na realidade, ele precisava aceitar um emprego de babá só para ficar perto de Sara (Piper Perabo, de "Show Bar"), uma DJ bem-sucedida com quem ele esperava fazer parceria.

Enquanto o seu emprego dos sonhos não acontecia, ele precisava cuidar da terrível Gabby, interpretada pela estreante Frankie Hervey, uma garota de 11 anos de idade famosa por fazer suas babás desistirem do trabalho em poucos dias.

Elba ajudou a criar "Se Joga, Charlie", em parceria com o roteirista Gary Reich ("Vicious"). O ator, conhecido por papéis em filmes como "Beasts of No Nation" e "Thor", usou sua própria experiência como músico e DJ para dar vida a Charlie.

Embora não tão bem-sucedida quanto sua carreira no cinema e na TV, a trajetória de Elba na música começou em 2006, com o lançamento do EP "Big Man". Ele fez aparições em álbuns de Jay-Z e da banda Loose Tapestries, e se apresentou como DJ para abrir shows de Madonna em 2015.