PUBLICIDADE
Topo

Pink diz que achou que morreria com covid-19 quando febre e asma pioraram

Cantora Pink no People"s Choice Awards - Emma McIntyre/E! Entertainment/NBCU Photo Bank via Getty Images
Cantora Pink no People's Choice Awards Imagem: Emma McIntyre/E! Entertainment/NBCU Photo Bank via Getty Images

Do UOL, em São Paulo

09/04/2020 21h14

Pink já se recuperou da covid-19, doença que contraiu ao lado do filho de três anos, Jameson. Mas a cantora relatou ter sentido que morreria quando a febre cresceu e os sintomas de sua asma pioraram.

"Quando você não consegue respirar sem um inalador, é difícil ver as notícias e não pensar: 'Ai, meu Deus. Depois de todas as loucuras que eu fiz na vida, isso aqui vai ser o fim? É assim que acaba?'", relatou hoje ao programa de Ellen Degeneres. 'É uma montanha-russa".

"Eu tive asma durante a minha vida inteira. Asma realmente forte, ao ponto de eu ter ido ao hospital algumas vezes. Mas, quando esta febre começou a crescer, eu acordei no meio da noite e não consegui respirar. Precisei de nebulização pela primeira vez em 30 anos", contou Pink, atualmente aos 40.

O pequeno Jameson também sofreu com a doença causada pelo novo coronavírus. "Em determinado momento, ele começou a vomitar, disse que tinha dores no peito e que a respiração estava machucando. Eu pensei: 'Vamos ao hospital? O que faremos agora?'. Foi a coisa mais assustadora que já vivi na vida", afirmou a cantora.


Música