Topo

Animes e Mangás


7 episódios de Cavaleiros do Zodíaco que nos traumatizaram e jamais esqueceremos

Os Cavaleiros do Zodíaco - Divulgação/Netflix
Os Cavaleiros do Zodíaco Imagem: Divulgação/Netflix

Leonardo Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

22/10/2019 04h00

Em matéria de heróis da cultura pop, não havia fenômeno que emparelhasse com o anime Os Cavaleiros do Zodíaco em meados dos anos 1990. Exibida primeiro pela extinta TV Manchete, a série clássica foi um dos maiores fenômenos de audiência dessa era pré-popularização da internet, se espalhou por todos os cantos e ajudou a vender milhões de revistas e bonecos de personagens. Agora, todos os episódios estão disponíveis na Netflix.

Como todo bom fenômeno, as histórias inspiradas nos mangás deixaram marcas e traumas no público, principalmente o infantil, Afinal, víamos um festival de cenas de violência explícita, física e psicológica, com tentativa de suicídio, autoflagelação, membros decepados, pessoas furando os próprios olhos... Um verdadeiro desafio aos limites da classificação livre —ou apenas mais uma segunda-feira dos anos 1990.

Caso a memória falhe, veja abaixo sete desses momentos que empolgaram e traumatizaram fãs pelo mundo. E que jamais vamos esquecer. Vale lembrar que esta lista está longe de ser definitiva. Contribua postando a sua nos comentários.

Quando Seiya vs. Shiryu quase se matam antes de serem amigos

Reprodução
Imagem: Reprodução

Os amigos de fé, irmãos camaradas engalfinharam-se logo no início da saga do Santuário. Aconteceu na Guerra Galáctica, competição organizada por Saori Kido em que os cavaleiros de bronze duelam pela amadura de ouro de Sagitário, que no fim acaba roubada. Seiya e Shyriu protagonizam uma luta épica no torneio, quase morrem, com muito sangue, armaduras quebradas (depois deixadas de lado) e Seiya demonstrando perspicácia ao descobrir o ponto fraco de seu futuro companheiro Dragão.

Quando Shiryu cega a si mesmo

Reprodução
Imagem: Reprodução

Se você foi criança nos anos 1990, possivelmente se perturba só de lembrar dessa cena. Shiryu, só para variar, se envolve em uma luta mortal com o cavaleiro de prata Algol de Perseu. Inspirado na mitologia de Medusa, ele tem o poder de transformar o observador em pedra. Os cavaleiros de bronze ficam em Maus lençóis e vendar os olhos não parece ajudar. A saída do guerreiro: cegar a si mesmo com um violento golpe desferido com os dedos. Assim, ele consegue derrotar o inimigo e salvar os companheiros da morte petrificada. Mas precisava de tudo isso?

Quando mãe de Hyoga é mandada às profundezas do oceano

Reprodução
Imagem: Reprodução

Hyoga tinha uma relação obsessiva com a mãe Natassia, mesmo depois de morta. Ela morrera em um naufrágio, e o filho mantinha o hábito de visitá-la mergulhando nas águas geladas da Sibéria, que conservou o corpo. A obsessão, que esbarrava no complexo de Édipo, chamou a atenção do cavaleiro de ouro Camus, mestre do mestre do personagem, que decidiu derrubar o navio vala abaixo no oceano, fora do alcance de Hyoga. A ideia era esfacelar a fixação que impedia o guerreiro de chegar a lucidez. Foi triste. De novo: precisava de tudo isso?

Quando o "purgatório" de Máscara da Morte é mostrado

Reprodução
Imagem: Reprodução

A batalha na casa de Câncer contra o demoníaco cavaleiro de ouro Máscara da Morte sempre foi um gatilho para noites de pesadelos. Para começar, as paredes e o chão do local eram enfeitados com rostos das pessoas mortas por ele. Assustador. Quem o enfrentou foi Shiryu, que recebeu o golpe Ondas do Inferno e foi enviado à entrada do Mundo dos Mortos, uma espécie de purgatório em que almas marcham mortificadas rumo ao precipício. Não recomendamos esse episódio a pessoas sensíveis, espíritas ou a quem se assustou com o personagem Alexandre da novela A Viagem.

Quando Shura é morto surrealmente

Reprodução
Imagem: Reprodução

O combate na casa de Capricórnio é uma dos prediletos dos fãs, seja por apresentar Shura, o cavaleiro que possui o poder da mítica espada de Excalibur, ou por trazer revelações importantes sobre a morte de Aioros, o cavaleiro de Sagitário. Por que ele é traumático? A luta é uma avalanche de sangue, perfuração, braço decepado... E o pior: Shiryu só consegue derrotar o inimigo sacrificando a própria vida, em um salto espetacular para morte. Agarrando Shura pelas costas, ele voa como um foguete, travessa a estratosfera e chega até as estrelas. Tente dormir em paz depois dessa.

Quando Hyoga deixa o inimigo furar seu olho

Reprodução
Imagem: Reprodução

Na Saga de Poseidon, que também foi incluída na Netflix, Hyoga enfrenta Isaac, um antigo companheiro de treinamento que, por culpa dele, perdera a visão do olho esquerdo após atingir uma pedra de gelo debaixo d´água, enquanto tentava salvar o amigo do afogamento. Arrependido e grato por Isaac ter salvado sua vida, Hyoga permite, para as coisas ficarem quites, que Isaac cegue seu olho com um inapelável golpe aplicado com o dedo indicador. Dá nervoso só de escrever.

Quando eles chegam à casa de Leão e tudo começa de novo

Reprodução
Imagem: Reprodução

Este é um momento traumático para quem assistia à Cavaleiros do Zodíaco na Manchete, entre 1994, quando o anime estreou no Brasil, e 1995, mas não por suas cenas de violência. Na época, a emissora exibia apenas os primeiros 51 episódios da Saga do Santuário, que haviam sido adquiridos primeiro.

Ou seja, quando Seiya entrava na casa de Leão e começava a começava a descobrir como manipular o sétimo sentido, atingindo a velocidade da luz e superando o cavaleiro de ouro Aiolia, a série simplesmente "acabava" e voltava ao primeiro episódio. Isso e enfurecia muita gente.

Foi preciso esperar longos seis meses para vermos o desfecho da luta na TV. A estratégia se mostrou inteligente, já que o público não se cansou de consumir o anime. Pelo contrário. Mas, pela última vez: precisava?

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Animes e Mangás