Topo

Geek


Dave Bautista fala sobre relação com a Marvel após ter criticado demissão de Gunn

Dave Bautista como Drax, em "Guardiões da Galáxia Vol. 2" - Divulgação
Dave Bautista como Drax, em "Guardiões da Galáxia Vol. 2" Imagem: Divulgação

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

11/06/2019 17h15

Dave Bautista criticou duramente a Disney após a demissão do diretor James Gunn. Porém, o ator de "Guardiões da Galáxia" acredita que sua relação com a empresa do Mickey e com a Marvel esteja boa.

"Na verdade, eu nunca falei com ninguém da Disney, apenas com as pessoas da Marvel. E eles foram muito compreensíveis com o que eu sentia", disse o ator para a Collider.

Bautista tinha dito em entrevistas que a demissão do amigo lhe "deu náuseas", que pensou em não voltar para a franquia e que queria se juntar a Gunn na DC."Muitas pessoas entenderam minha posição. Boa parte delas apenas não falou publicamente sobre o caso. E acontece que eu falei o que sentia", completou.

Gunn foi recontratado pela Disney em março deste ano para voltar ao comando do terceiro capítulo de "Guardiões da Galáxia Vol. 3". Antes de trabalhar no projeto, ele assinou para dirigir e roteirizar a sequência de "Esquadrão Suicida", da DC.

Bautista ainda fez questão de enfatizar a importância de Gunn em sua trajetória profissional. "Ele ajudou a transformar minha vida e eu sei que ele é uma pessoa decente. Ele foi atacado. E o que você faz quando seus amigos são atacados? Você os defende, ou então não é um amigo de verdade".

"Esquadrão Suicida 2" chega aos cinemas em agosto de 2021. "Guardiões da Galáxia Vol. 3" ainda não tem data de lançamento.

Geek