Topo

Filmes e séries


Depois de Freddie Mercury e Elton John, vida de Boy George vai virar filme

Boy George nos anos 1980 - Divulgação
Boy George nos anos 1980 Imagem: Divulgação

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

29/05/2019 12h24

Prepare-se para saber tudo sobre a vida do icônico cantor Boy George. O vocalista da banda Culture Club vai ganhar uma cinebiografia pelas mãos do roteirista e diretor Sacha Gervasi ("Hitchcock", "Meu Jantar com Hervé"). A informação é do site do Deadline.

O filme vai cobrir da juventude de George, que vem de uma família de trabalhadores irlandeses, até o seu sucesso ao lado da banda nos anos 1980, quando produziu hits como "Karma Chameleon" e "Do You Really Want to Hurt Me".

Conhecido pelo visual andrógino com o qual se apresentava, George se tornou um ícone do movimento LGBTQ+ no Reino Unido e no restante do mundo. O cantor, que se identificava como bissexual no auge do sucesso do Culture Club, passou a se declarar abertamente gay nos anos 2000.

Dos anos 1980 até recentemente, o músico também travou uma batalha contra o vício em drogas, especificamente a heroína. Hoje em dia, George credita a prática do budismo por sua decisão de permanecer sóbrio.

Juntando o sucesso do Culture Club com seus álbuns solo, George já vendeu mais de 100 milhões de singles e 50 milhões de álbuns ao redor do mundo. O músico também escreveu duas autobiografias que se tornaram best-sellers, "Take it Like a Man" (1995) e "Straight" (2004).

O filme sobre George chegará depois do sucesso de "Bohemian Rhapsody" (sobre Freddie Mercury e o Queen) e do lançamento de "Rocketman" (sobre Elton John), que também se baseiam na vida de músicos de sucesso dos anos 1970/1980 e ícones LGBTQ+.