PUBLICIDADE
Topo

Silva lamenta show cancelado no Lollapalooza: "Contra natureza não há lei"

Silva lamenta show cancelado no Lollapalooza após forte tempestade -
Silva lamenta show cancelado no Lollapalooza após forte tempestade

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

06/04/2019 16h37

O músico Silva lamentou o show cancelado no Lollapalooza Brasil 2019, após forte tempestade que atingiu o Autódromo de Interlagos, zona sul de São Paulo, na tarde de hoje. O show estava previsto para acontecer das 15h05 às 16h05 no Palco Onix.

"Contra a natureza não tem lei. A única certeza é que meu time tá pronto pra todas as muitas próximas que virão", escreveu ele, em seu perfil no Instagram.

Todos os shows do Lollapalooza Brasil foram interrompidos temporariamente hoje, por volta das 14h20, por causa do mau tempo. Rashid, que estava no palco Budweiser, e Lany, no palco Adidas, tiveram que parar suas apresentações nos primeiros dez minutos.

Após algum tempo com todas atividades do evento interrompidas, a organização do evento decidiu por instruir os fãs a deixarem o local. Muitos permaneceram abrigados nas estruturas do local na esperança de que as atrações sejam retomadas.

"Procurem saídas de emergência e sigam as orientações dos bombeiros e dos seguranças", anunciaram os sistemas de som do festival.

Do lado de fora, os portões foram fechados e o público que estava chegando ao local foi impedido de entrar.

A organização do festival justificou que a interrupção fosse realizada pela segurança do público e das atrações em função dos ventos fortes e alguns raios que já caíram na região. Foi aconselhado também que ninguém ficasse próximo a grades e qualquer objeto metálico.

Depois de 2h de interrupção nos shows, os portões foram reabertos. A programação foi retomada dentro dos horários previstos com a banda Snow Patrol no Palco Budwiser e com a francesa Jain no Palco Adidas.

Lollapalooza