Topo

Na última esperança por ingresso do BTS, 10 mil pessoas enfrentam sol e chuva em SP

Renata Nogueira/UOL
Fãs de BTS compram ingresso para show em SP Imagem: Renata Nogueira/UOL

Renata Nogueira

Do UOL, em São Paulo

2019-03-14T13:53:04

14/03/2019 13h53

Abriu hoje a venda de ingressos para o show extra do BTS em São Paulo, em 26 de maio. Se na internet as entradas se esgotaram em aproximadamente 2 horas, uma multidão enfrenta novamente a fila nos arredores do Allianz Parque na disputa por uma nova oportunidade de ver ao vivo o grupo sul-coreano, fenômeno do k-pop.

Assim como na segunda-feira, a bilheteria abriu ao meio-dia para atender a multidão calculada pela organização de cerca de 10 mil pessoas, com previsão de receber até 20 mil pessoas durante a venda, que segue até as 18h ou os ingressos acabarem.

Alguns já aguardavam há muitas horas na fila que foi organizada na noite anterior. As sombrinhas abertas protegiam os fãs do sol quente, mas também foram úteis quando cerca de 40 minutos depois da abertura dos guichês a chuva chegou. Fora das áreas cercadas por grades, funcionários com coletes fluorescentes orientavam as pessoas sobre onde deviam aguardar. Na parte da manhã, a fila chegou até ao shopping West Plaza, a dois quarteirões do estádio. Mas depois que as pessoas foram organizadas, a fila terminava cercando a praça na lateral.

"Fizemos alguns cálculos e já expliquei que, quando chegar a vez deles, é muito provável que já não tenham mais ingressos", disse um dos funcionários que organizava as pessoas na praça. "Mas a esperança é a última que morre, né?", completou a colega apontando para o público que se recusava a deixar o local. Segundo os funcionários, algumas pessoas deixaram o local mais cedo quando foram avisadas que dificilmente conseguiriam uma entrada para o show.

Renata Nogueira/UOL
A fã Vitória de 15 anos (de amarelo) e a irmã dela, Bruna Imagem: Renata Nogueira/UOL

Três dias de espera

Foi o que aconteceu com Vitória Pereira Oliveira há três dias. A menina de 15 anos enfrentou horas de fila na segunda-feira, mas assim que chegou sua vez de comprar, pouco antes das 18h, os ingressos acabaram. Com o show extra já anunciado, ela ficou no Allianz Parque desde então e conseguiu o 35º lugar na fila para o show extra. Aos prantos após conseguir o tão desejado ingresso, quase não conseguiu falar com a reportagem do UOL. "Como deu confusão na segunda e ela é menor de idade, hoje eu vim para acompanhar", explicou a irmã Bruna, 25, que amparava a caçula. "É lindo ver a emoção dela de ter conseguido."

A estudante Thalita Ramires, 22, também comemorava ter conseguido comprar um ingresso para a menor e mais disputada área do show, o Soundcheck, no valor de R$ 950. "Comprei ingresso na segunda, mas não consegui para a área que eu queria. Como estou acampada aqui, os pais de algumas pessoas que não conseguiram ingresso para o primeiro show cercaram nossas barracas e nos ameaçaram caso a gente tentasse de novo pro show extra." Destemida, ela voltou a enfrentar a fila e conseguiu o 14º lugar, e agora vai ver BTS nos dois dias, 25 e 26 de maio.

Oportunidades de negócio

Os primeiros cem sortudos, além de garantir o ingresso e escapar da chuva, ganhavam um caprichado lanche de uma rede de fast-food. A ação que distribuiu 101 sanduíches na saída da bilheteria durou cerca de 30 minutos.

Não eram os únicos. A movimentação intensa na segunda-feira chamou a atenção de empresas que aproveitavam a aglomeração de pessoas para divulgar seus produtos. Uma escola de informática, por exemplo, sorteava camisetas do grupo. O movimento de ambulantes, que já tinha sido intenso no primeiro dia de vendas, praticamente triplicou. E a polícia reforçava a segurança desde os primeiros minutos de venda.

A fila preferencial, alvo da ação de cambistas no primeiro dia de vendas, tinha forte efetivo da polícia e poucas pessoas. A reportagem inclusive presenciou alguns funcionários convidando idosos ou pessoas com deficiência que enfrentavam a fila comum a se dirigir para a preferencial.

Essa é a quarta vez que o BTS vem ao Brasil e a primeira em que se apresentam no Allianz Parque. Criado em 2013, o grupo é hoje um dos principais representantes do k-pop e, depois dos dois shows no Brasil, segue com a turnê "Love Yourself: Speak Yourself" para a Europa.

Mais K-pop