Topo

Oscar


Lady Gaga forçou Oscar a incluir outras canções indicadas na cerimônia, diz site

Bradley Cooper e Lady Gaga em cena de "Nasce Uma Estrela" - Divulgação
Bradley Cooper e Lady Gaga em cena de "Nasce Uma Estrela" Imagem: Divulgação

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

01/02/2019 14h19

Lady Gaga exigiu que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas se retratasse quanto a apresentação, na cerimônia do Oscar 2019, das músicas indicadas à categoria de melhor canção original. As informações são de fontes do "Deadline".

A cerimônia do Oscar 2019 acontece no próximo dia 24 de fevereiro. A produção está buscando formas de diminuir a duração do evento, a fim de atrair mais espectadores.

Aparentemente, a cantora (indicada pela música "Shallow", de "Nasce Uma Estrela") não ficou feliz quando soube que os produtores do Oscar pretendiam convidar apenas ela e o rapper Kendrick Lamar (autor de "All the Stars", de "Pantera Negra") para se apresentar na festa.

Gaga e seus representantes entraram em contato com os produtores do evento, Donna Gigliotti e Glenn Weiss, e comunicaram que a cantora não se apresentaria caso os outros indicados não fossem incluídos na cerimônia.

Assim, o Oscar voltou atrás e informou, em um tuíte, que Jennifer Hudson cantaria a música "I'll Fight" (do filme "RBG"). As outras indicadas na categoria, "When a Cowboy Trades His Spurs for Wings" (de "The Ballad of Buster Scruggs") e "The Place Where Lost Things Go" (de "O Retorno de Mary Poppins"), também devem ser apresentadas.