Topo

Geek

Petição que pede a volta de James Gunn em "Guardiões" tem 400 mil assinaturas

Ian Gavan/Getty Images for Disney
James Gunn, diretor de "Guardiões da Galáxia" Imagem: Ian Gavan/Getty Images for Disney

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

13/09/2018 18h21

James Gunn foi demitido por comentários polêmicos no Twitter, e a Disney já garantiu que não ceder espaço para ele. Fora de "Guardiões da Galáxia Vol. 3", o cineasta vem causando dor de cabeça para o estúdio, justamente por ter o apoio dos atores e do público.

Leia mais:

Uma petição online lançada no site "Change.org", que pede a volta de Gunn para a franquia da Marvel, acumula mais de 400 mil assinaturas -- e os números não param de subir. O documento aponta que, mesmo que a decisão já tenha sido tomada, o apelo dos fãs pode fazer com que a Disney volte atrás em sua decisão.

Um dos principais apoiadores de Gunn é o ator Dave Bautista , que faz Drax em "Guardiões da Galáxia" e em "Vingadores". O fortão já até ameaçou abandonar o papel caso o roteiro de Gunn não seja usado no terceiro filme da franquia liderada pelo Senhor das Estrelas.

Fontes apontaram nos últimos meses que a Disney e a Marvel estão procurando um substituto para a cadeira de cineasta. "Guardiões da Galáxia Vol. 3" não tem previsão de lançamento nos cinemas.