Topo

Música

Cortejo leva caixão de Aretha Franklin para funeral em Detroit

Scott Olson/Getty Image
Caixão de Aretha Franklin é levado para funeral em Detroit Imagem: Scott Olson/Getty Image

Osmar Portilho

Colaboração para o UOL

31/08/2018 11h23

Morta aos 76 anos depois de uma batalha contra um câncer no pâncreas no último dia 16, Aretha Franklin recebeu mais homenagens nesta sexta-feira (31) em Detroit, nos Estados Unidos. Fãs acompanharam o cortejo que levou o caixão da cantora ao Greater Grace Temple, onde acontecerão diversas homenagens.

Foram confirmados shows de Ariana Grande, Stevie Wonder, Chaka Khan,e Jennifer Hudson com repertório em homenagem a Aretha. Bill Clinton, ex-presidente dos Estados Unidos, será um dos oradores da cerimônia.

LEIA TAMBÉM

O corpo da cantora chegou em um cortejo cheio de Cadillacs cor-de-rosa. Na música "Freeway of Love", de 1985, ela cantou sobre atravessar a cidade em um carro do mesmo modelo.

Scott Olson/Getty Images
Escoltado pela polícia, o cortejo foi feito em Cadillacs cor-de-rosa Imagem: Scott Olson/Getty Images

A cantora, que nasceu em Memphis, Tennessee, cresceu em Detroit depois de se mudar para lá com a família. Ela começou a cantar em apresentações gospel do pai quando era adolescente.

O corpo de Aretha será enterrado no cemitério Woodlawn, em Detroit, nesta sexta-feira (31), após uma cerimônia limitada a familiares e amigos.

Seu caixão deve ser enterrado junto com os restos mortais de seu pai, o reverendo C.L. Franklin, e seu irmão, Cecil Franklin, e as irmãs Carolyn e Erma Franklin.