PUBLICIDADE
Topo

Chris Brown denunciará jovem que o acusa de estupro por calúnia

O rapper Chris Brown - Manuel Balce Ceneta/AP Photo
O rapper Chris Brown Imagem: Manuel Balce Ceneta/AP Photo

De Paris (França)

23/01/2019 13h33

O rapper americano Chris Brown, ex-namorado da cantora Rihanna, apresentará uma denúncia por calúnia contra a jovem que o acusa de estupro, informou nesta quarta (23) à agência Efe Raphaël Chiche, advogado do artista, que foi detido nesta segunda e solto em seguida sem precisar pagar fiança.

"Ele vai defender energicamente sua inocência. Nega plenamente os fatos dos quais é acusado e me deu instruções para apresentar uma ação contra esta mulher que o caluniou, que formulou acusações falsas", explicou Chiche.

Segundo o advogado, Brown, de 29 anos, está "totalmente abalado e surpreso", mas está "motivado para refutar essa acusação".

A revista "Closer" explicou que a jovem, de 24 anos, disse que os fatos aconteceram na noite do último dia 15 em um quarto de um luxuoso hotel em Paris, para onde foi levada após ter conhecido Brown em uma boate próxima.

A jovem também acusou de abusos o segurança do rapper e um amigo, que como Brown foram detidos e em seguida liberados.

O rapper foi "interrogado durante 48 horas e depois saiu da custódia policial. As investigações continuam", disse Chiche, que explicou que a Promotoria ainda não reuniu as provas suficientes para levar Brown a julgamento.

Por isso, o cantor "está em liberdade, sem nenhum tipo de restrição de movimentos" nem obrigações de se apresentar às autoridades.

Nesta terça (22), pouco antes de ter sua liberação anunciada, o artista publicou no Instagram que as acusações são contrárias à sua "moral" e "desrespeitosas" para sua filha e o resto de sua família.

O rapper soma vários incidentes com a justiça, o último deles em julho de 2018 na Flórida, nos Estados Unidos, onde foi detido por agressão, mas ficou em liberdade após pagar uma fiança de US$ 2.000.

Um dos episódios mais midiáticos aconteceu em 2009, quando Brown foi declarado culpado por agredir Rihanna e ameaçá-la de morte.

O rapper explodiu nas paradas de sucessos com apenas 16 anos e ganhou fama com hits como "Run It" e "Love More".