Topo

Música


Chris Brown nega acusação de estupro: "Contra meu caráter e minha moral"

Chris Brown - Getty Images
Chris Brown Imagem: Getty Images

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

22/01/2019 19h48

O cantor Chris Brown usou o Instagram para falar pela primeira vez sobre a acusação de estupro que o levou a ser preso na segunda-feira (21) em Paris, na França.

"Eu quero deixar completamente claro. Isso é falso e muita bobagem. Jamais! Pela minha filha e família, isso é tão desrespeitoso e contra meu caráter e moral", escreveu o músico, que ainda usou como imagem a capa do seu single "This Bitch Lyin'", que em português significa "esta vadia mente".

A mulher que o denunciou alega que Brown a estuprou junto com um amigo e o guarda-costas do cantor no luxuoso Hotel Mandarin Oriental em Paris, na madrugada do último dia 15.

A suposta vítima, de 25 anos, diz que passou uma noite com Brown em uma boate perto da Champs Elysees e, em seguida, ele a convidou para ir ao seu hotel, onde a teria estuprado. As prisões foram reveladas em primeira mão pela revista francesa "Closer".

O cantor estava no país para participar da Paris Fashion Week. Brown tem um longo histórico de problemas com a lei. Nos últimos anos, ele foi detido várias vezes por agressão. Em 2009, ele agrediu Rihanna, sua namorada na época, e foi condenado pela Justiça.

Em 2016, ele foi preso e acusado de agressão com arma letal.

Segundo o TMZ, o cantor foi liberado sem a obrigação de pagar fiança e está apto a deixar a França. A investigação vai continuar pelas autoridades locais.