PUBLICIDADE
Topo

'La Casa de Papel': Por que a Parte 5 deveria ser a última da série

Já tá chegando a hora de "La Casa de Papel" dizer adeus, não? - Divulgação/Netflix
Já tá chegando a hora de 'La Casa de Papel' dizer adeus, não? Imagem: Divulgação/Netflix

Beatriz Amendola

Do UOL, em São Paulo

21/04/2020 04h00Atualizada em 21/04/2020 16h06

Que "La Casa de Papel" é um sucesso, ninguém contesta. Desde que estreou, no último dia 3, ela não sai do top 10 da Netflix no Brasil. E se você não viu ainda, provavelmente conhece um monte de gente que só tem falado de Professor, Tóquio e companhia nesses últimos dias.

Muita gente foi pega de surpresa com o fim da Parte 4, que deixou um gancho daqueles para mais uma nova leva de episódios.

Uma parte 5 é inevitável —e segundo o portal espanhol Bluper, já tem até uma sexta temporada sendo planejada. Mas isso não é necessariamente motivo de comemoração.

E a gente explica o por quê:

1- Sair no auge é melhor

Tudo que é bom, uma hora acaba. Ou, no caso das séries, TEM que acabar. De preferência, na hora certa. "LCDP" superou expectativas quando voltou para uma Parte 3 após ser comprada pela Netflix. Muitos aspectos técnicos melhoraram, e a história continuou eletrizante. O ideal seria aproveitar o bom momento e engatar a despedida, para deixar os fãs tão felizes quanto o Denver dançando.

Ou pode correr o risco de sofrer o mesmo destino de "The Walking Dead", que até hoje sofre os efeitos de sua fase ruim.

2- A fórmula tem limitações

Um roubo, tudo bem. O segundo, deu para aceitar. Mas não dá para levar isso adiante por tempo indeterminado. Seria difícil acreditar em um novo "atraco", e tornaria a série ainda mais repetitiva. Mostrar a trupe tentando se esconder da polícia ou escapar da prisão poderia ser uma alternativa, mas não seria muito diferente do que já vimos.

3- As repetições vão cansar

A gente já sabe o que esperar de "La Casa de Papel": soluções mirabolantes, reviravoltas espetaculares que salvam o dia no último minuto, brigas e mais briga entre os bandidos. E Arturo sendo insuportável.

Até agora, isso tem sido divertido, tanto pela ótima química do elenco como pela evolução de personagens, como Tóquio e Denver. Mas quanto tempo vai levar até enjoarmos? Uma hora cansa.

4- A Parte 4 já deu sinais de esgotamento

Muitas séries têm um problema comum: a chamada "barriga", que surge quando a história enrola e demora a avançar. Os dois primeiros episódios da Parte 4 são um bom exemplo disso: eles deram voltas no mesmo lugar e a história só foi engrenar mesmo depois do terceiro. Isso sem falar no excesso de flashbacks.

Não é um bom sinal —e não queremos nos despedir de "La Casa de Papel" irritados com enrolação, não é mesmo?

No Pero Alonso GIF from No GIFs