PUBLICIDADE
Topo

Quarentena prolongada na França provoca incerteza sobre Festival de Cannes

Famosos desfilam no tapete vermelho do Festival de Cannes 2019 - Loic Venance/AFP
Famosos desfilam no tapete vermelho do Festival de Cannes 2019 Imagem: Loic Venance/AFP

Do UOL, em São Paulo

13/04/2020 16h27

O presidente da França, Emmanuel Macron, anunciou hoje que irá prolongar a quarentena no país até o dia 11 de maio.

Além disso, a organização de grandes eventos está proibida até meados de julho.

Com isso, o Festival de Cinema de Cannes, que estava previsto para acontecer entre o fim de junho e começo de julho deverá ser adiado. Os organizadores não revelaram uma nova data.

Macron afirmou que bares, restaurantes e cafés ainda não poderão reabrir as portas depois de 11 de maio. Escolas e creches poderão funcionar sob condições restritas, mas as universidades continuarão fechadas.

Errata: o texto foi atualizado
Diferente do informado anteriormente, bares, cafés e cinemas não reabrirão na França no dia 11 de maio.