PUBLICIDADE
Topo

Regina Casé mostra jeitinho brasileiro em "Três Verões"; veja cena

Do UOL, em São Paulo

18/02/2020 14h59

"Eu não tô sendo presa não. Eu tô só... Como é o nome? É só coercitiva". Regina Casé é a caseira Madá no filme "Três Verões", em que, com seu toque de humor, ela conta uma história baseada no "jeitinho brasileiro" e na política do país no período entre 2015 e 2017, com direito a corrupção e prisões.

O UOL estreia cena exclusiva do filme (veja acima), com Madá servindo de guia em um iate, apresentando aos passageiros mansões e personalidades que moram por ali - até uma pesssoa presa em prisão domiciliar.

O longa-metragem de Sandra Kogut, diretora de "Mutum" e "Campo Grande" chega aos cinemas em 19 de março.

"Três Verões" mostra pelo olhar de Madá, uma caseira num condomínio de luxo no litoral, como uma família desmorona por envolvimento nos dramas políticos que mexeram com o Brasil nos últimos anos.

O roteiro se passa em três anos, 2015, 2016 e 2017, sempre usando o mesmo período de cada um deles: a semana entre natal e ano novo, na casa de veraneio da família. Madá, ao mesmo tempo em que tem de ser submissa aos patrões, manda nos outro empregados e experimenta dois mundos nestas relações.

Regina Casé foi premiada com o prêmio de melhor atriz no Festival do Rio 2019, em dezembro, por seu papel como Madá. Também estão no elenco Jéssica Ellen, Otávio Müller e Rogério Fróes, entre outros.

O longa teve estreia mundial no Festival de Toronto. A primeira exibição no Brasil foi na 43ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. Além do Festival do Rio, Casé ganhou o prêmio de melhor atriz também no Antalya Golden Orange Film Festival, na Turquia.

Confira o trailer completo

Filmes e séries