PUBLICIDADE
Topo

Cameron Boyce e Luke Perry são "esquecidos" em homenagem a mortos do Oscar

Cameron Boyce como Carlos De Vil em Os Descendentes 3 - Divulgação
Cameron Boyce como Carlos De Vil em Os Descendentes 3 Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

10/02/2020 08h46

Uma das tradições do Oscar, durante sua cerimônia, é a sessão In Memorian, em que a Academia faz uma homenagem aos artistas que morreram durante o último ano. E quase sempre há alguma ausência que chama atenção dos fãs. Desta vez, foi notada a falta do jovem Cameron Boyce e de Luke Perry.

No caso de Perry, o choque foi grande, já que ele aparece em Era Uma Vez... em Hollywood, sua última aparição nas telas, antes de morrer aos 52 anos, em março. Ele teve um ataque cardíaco fulminante.

Era Uma Vez... em Hollywood concorreu inclusive ao prêmio de melhor filme. Perry também fez Barrados no Baile e Riverdale.

Cameron Boyce chocou o mundo com sua morte em julho, após ter uma crise convulsiva - um mal que ele já sofria. O ídolo do público teen ficou famoso por papéis em Descendentes e Jessie, entre outros, mas não foi lembrado no segmento.

O cineasta brasileiro Fábio Barreto, que morreu em novembro do ano passado, também não foi lembrado pela Academia. Um de seus filmes, "O Quatrilho" (1995), chegou a ser indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Outras ausências citadas na imprensa norte-americana foram Jan-Michael Vincent, Michael J. Pollard e Tim Conway.

A lista In Memoriam deste ano trouxe nomes como Kirk Douglas e Kobe Bryant, que morreram nas últimas semanas.

Oscar