PUBLICIDADE
Topo

Sting não quer filme biográfico sobre ele: "ainda não terminei de viver"

O cantor Sting - Reprodução/Instagram
O cantor Sting Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

20/01/2020 11h51

Resumo da notícia

  • Sting não quer saber de um filme biográfico ao estilo Bohemian Rhapsody
  • Roqueiro disse que "ainda não terminou de viver", e que prefere "contar a sua própria história"

Sting não quer saber de um filme no estilo Bohemian Rhapsody e Rocketman sobre sua vida. O roqueiro do The Police falou ao The Hollywood Reporter que "ainda não terminou de viver", e que prefere "contar a sua própria história" de maneira metafórica.

"Absolutamente não", cravou ao ser perguntado sobre a possibilidade de uma cinebiografia. "Eu não quero isso. Estou contando a minha própria história, de um jeito artístico".

A nova peça do músico, intitulada The Last Ship, é uma "metáfora para a sua vida". "O meu personagem é um composto do meu pai, meus tios, pessoas que estavam ao meu redor enquanto eu crescia", explicou.

"Eu quero fazer deste jeito, ao invés de ter alguém dizendo: 'Qual é o arco da vida do Sting?'. Eu ainda não terminei de viver", completou.

Em The Last Ship, que será apresentado no Ahmanson Theatre, em Los Angeles (EUA), até 16 de fevereiro, Sting interpreta o funcionário de um porto no litoral da Inglaterra. O cantor nasceu e cresceu em uma cidade semelhante.

Filmes e séries