PUBLICIDADE
Topo

Star Wars


Star Wars: Disney remove beijo gay do filme exibido em cinemas de Singapura

Cena de Star Wars - A Ascensão Skywalker - Divulgação
Cena de Star Wars - A Ascensão Skywalker Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

24/12/2019 12h55

A Disney optou por remover a cena de beijo gay em Star Wars: Ascensão Skywalker da versão do filme que é exibida nos cinemas de Singapura. Isso porque a simples cena geraria uma mudança na classificação indicativa do filme que — sem o beijo— ficou em 13 anos.

Em Singapura, o casamento entre pessoas do mesmo sexo é ilegal e o sexo entre homens é um crime passível de pena de até dois anos de prisão. A lei, no entanto, não diz nada sobre sexo entre mulheres, segundo a instituição Stonewall, que defende os direitos LGBTQ+.

No novo Star Wars, o beijo rola entre duas integrantes da Resistência, personagens secundárias, em um momento de comemoração. A cena é rápida — tanto que você corre o risco de perder se piscar. Ainda assim, a Disney —que não comentou a decisão— teria removido a cena para garantir a exibição do filme para um público maior.

As diretrizes de censura de Singapura determinam que os filmes que contenham temas ou conteúdo LGBTQ+ como uma subtrama podem ser restritos a espectadores com 18 anos ou mais de idade, enquanto filmes focados na homossexualidade podem ter uma classificação de 21 anos ou mais.

O beijo gay também teria sido cortado em outros países. Fontes do site Hollywood Reporter dão conta de que o trecho também foi censurado nos Emirados Árabes.

As informações são do jornal The Guardian.

Star Wars