PUBLICIDADE
Topo

Cocriador de Friends define namoro entre Joey e Rachel como "condenado"

Joey e RachelO roteirista conta que o relacionamento foi importante para transformar Joey - Reprodução/Warner
Joey e RachelO roteirista conta que o relacionamento foi importante para transformar Joey Imagem: Reprodução/Warner

Do UOL, em São Paulo

12/12/2019 16h51Atualizada em 13/12/2019 10h11

O co-criador de Friends, David Crane, deu uma entrevista ao portal Radio Times, na qual comenta um dos relacionamentos mais polêmicos da série: Joey e Rachel.

De fato, o casal não empolgou a maioria dos fãs, mas existem aqueles que apoiavam o casal. Para Crane, o relacionamento dos personagens estava "condenado" desde o início.

"A coisa de Joey e Rachel que eu sei é controversa", afirma Crane. "Eu amo isso. Eu amo isso porque está errado — e sabíamos: isso está errado. E isso acontece na vida. Existe o relacionamento que não era para ser. Mesmo que você ame alguém, não é com quem você vai estar", explica.

O roteirista conta que o relacionamento foi importante para transformar Joey. "E nós adoramos que Joey tenha levado um lugar mais emocional, e deixou Matt [LeBlanc] tocar cores que ele ainda não havia tocado na série".

Crane revela também que ele e Marta Kauffman, a outra cocriadora da série, já haviam definido desde o início que Rachel terminaria com Ross.

"Joey e Rachel, sempre soubemos [isso terminaria]. Ela estava grávida do bebê de Ross. Sempre soubemos que isso era ... que isso estava condenado, mas de uma maneira esperançosamente realmente interessante, comovente e convincente".

Na entrevista, Crane também revelou que eles consideraram que Phoebe, a personagem de Lisa Kudrow, pudesse terminar com David em vez de Mike.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado no último parágrafo deste texto, Crane revelou que eles consideraram que Phoebe pudesse terminar com David em vez de Mike, e não Mark. A informação foi corrigida.