Topo

Geek


Viúva Negra: Florence Pugh diz que filme é "cru, doloroso e belo"

Florence Pugh em cena de Midsommar: O Mal Não Espera a Noite - Reprodução
Florence Pugh em cena de Midsommar: O Mal Não Espera a Noite Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

18/11/2019 14h43

A atriz Florence Pugh deu aos fãs um gostinho do que esperar de Viúva Negra, filme solo da superespiã interpretada por Scarlett Johansson, que chega aos cinemas em abril de 2020.

Em matéria da Variety, a atriz definiu o longa como "cru, doloroso e belo". "Eu acho que as pessoas vão se surpreender quando assistirem e perceberem que, para um grande filme de ação, este aqui tem muito coração", comentou.

Pugh, que ganhou destaque na telona este ano com o terror Midsommar: O Mal Não Espera a Noite, vive uma das antagonistas de Natasha Romanoff (Johansson) no filme. Em uma cena exibida durante a D23, ela revela à espiã que é sua irmã.

"Eu sei que vai ser uma experiência emocional para muita gente, porque ela teve um final muito duro", comentou ainda Pugh, se referindo à morte da Viúva Negra em Vingadores: Ultimato. "Mas, para mim, foi especial estar no set e aprender com ela [Johansson]".

"Ela está fazendo isso há mais ou menos dez anos, atuando nestes filmes. E este é o filme dela, e isso é especial. Estar lá e ver como ela faz as cenas de ação, como ela vive essa personagem, foi incrível. Ela é Natasha", disse também.

Pugh comemorou ainda que o filme é dirigido por uma mulher, Cate Shortland (A Síndrome de Berlim). "Ela é uma mulher linda e calorosa. Foi uma experiência única e especial", contou.

"Eu não sei exatamente como são os sets dos outros filmes como este [de super-heróis], mas eu me lembro de estar nas filmagens e pensar: 'Isso aqui não é normal, é um momento único, e eu preciso aproveitar'", completou.

Geek