Topo

Ginger Baker, icônico baterista da banda Cream, morre aos 80 anos

Ginger Baker - Divulgação
Ginger Baker Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

06/10/2019 09h21

O baterista Ginger Baker morreu hoje, aos 80 anos. Ele já estava internado, em estado delicado de saúde, e não resistiu, conforme anunciaram suas redes sociais. A família do inglês não detalhou os problemas que o afetaram.

Baker fez fama principalmente por sua presença na banda Cream, gravando clássicos como Sunshine of Your Love, do disco Disraeli Gears, e tornando-se um dos mais influentes bateristas de sua geração, no rock, blues e jazz. Tocou também com Blind Faith, Hawkwind e Fela Kuti, entre outros.

De acordo com um post no Facebook de Baker, ele "morreu pacificamente" na manhã de hoje.

"Estamos muito tristes de dizer que Ginger morreu de forma pacífica nesta manhã. Obrigado a todos por suas palavras carinhosas nas últimas semanas", comunicou a página do baterista.

A formação clássica do Cream já havia perdido o baixista Jack Bruce, que morreu em 2014, aos 71 anos, de uma doença hepática. Eric Clapton segue no mundo da música, mas de forma discreta, por conta de limitações de saúde. O guitarrista/vocalista está com 74 anos.

Baker nasceu em 1939, em Lewisham, e perdeu o pai na Segunda Guerra Mundial, em 1943. Ele sonhava ser ciclista e pedalar na Volta da França - o que acabou quando ele chocou sua bicicleta com um táxi - e começou a tocar bateria na adolescência: "Eu nunca tinha sentado na bateria, mas sentei e podia tocar! Um dos músicos falou: 'Bem, temos um baterista'. E eu: 'Caramba, sou um baterista'", contou ele, ao The Guardian, em 2009.

Com o Cream, ele ajudou a definir os rumos do rock psicodélico dos anos 1960 - sempre trazendo seus elementos de jazz. Ele também passou a usar dois bumbos, o que influenciaria para o surgimento do heavy metal - principalmente bandas como Deep Purple, Black Sabbath e Led Zeppelin. Certa vez, Baker disse: "Não acho que o Led Zeppelin preencheu o vazio que deixamos. Mas ganharam muito dinheiro.

Três dos quatro álbuns do Cream lideraram as paradas britânicas.

O Cream em foto de 2005 - Arquivo
O Cream em foto de 2005
Imagem: Arquivo

A banda se separou em 1969, mas teve uma reunião nos anos 2000, brevemente, confirmando a fama de ser uma pessoa difícil de lidar que o acompanhou na carreira.

O anúncio breve de sua página de que o baterista estava criticamente doente aconteceu em 25 de setembro:

Rock