Topo

Vingadores


Por que o Homem de Ferro tinha tanto medo do Batman em 2008

Robert Downey Jr. em Homem de Ferro (2008) e Christian Bale em The Dark Knight (2008) - Divulgação
Robert Downey Jr. em Homem de Ferro (2008) e Christian Bale em The Dark Knight (2008) Imagem: Divulgação

Osmar Portilho

Do UOL, em São Paulo

30/06/2019 04h00

O ano era 2008. O mundo dos super-heróis no cinema ganharia dois filmes importantes: Homem de Ferro, de Jon Favreau; e Batman: O Cavaleiro das Trevas, de Christopher Nolan. Hoje, mais de dez anos depois, nós já sabemos como o universo cinematográfico da Marvel se expandiu e atingiu marcas históricas, mas o receio da aposta ainda imperava naquela época.

A revelação foi feita durante o programa The Chef Show, da Netflix, dirigido e protagonizado pelo próprio Favreau. No reality, o cineasta mostra sua amizade com o cozinheiro Roy Choi, surgida durante o processo de criação do filme Chef, de 2014.

No segundo episódio, enquanto se esbalda em um restaurante em Atlanta, Jon Favreau recebe Robert Downey Jr., Kevin Feige, os irmãos Russo e Tom Holland para um bate-papo sobre comida, e claro, Vingadores.

Tom Holland, Jon Favreau e Robert Downey Jr. em cena de The Chef Show - Reprodução
Tom Holland, Jon Favreau e Robert Downey Jr. em cena de The Chef Show
Imagem: Reprodução

"Batman era tudo. Era o mundo do Batman. Mesmo no auge do nosso sucesso, ainda estávamos em segundo lugar", explicou Favreau, citando o sucesso que Batman Begins havia feito em 2005.

Com Homem de Ferro pronto para estrear, havia um receio de ser esmagado pela expectativa de O Cavaleiro das Trevas, que, além de ser a sequência de um filme de sucesso, criava toda a mística com a atuação de Heath Ledger, que morreu no início daquele ano, como Coringa.

"Não é que queríamos estrear duas semanas depois. Queríamos lançar em outra estação", disse Downey Jr., sobre o temor de ter o filme do Homem de Ferro ofuscado pelo herói da DC.

No fim das contas, Homem de Ferro saiu antes, em abril, e acabou com a bilheteria de US$ 585 milhões. Batman: O Cavaleiro das Trevas foi lançado em julho e somou mais de US$ 1 bilhão em ingressos.

"Quando vai passar a moda?"

Kevin Feige, o chefão da Marvel, ainda explica mais sobre o contexto da época, onde o mercado dos filmes de super-heróis ainda engatinhava. "Se o filme fosse um sucesso, talvez a gente pudesse fazer outro", disse o executivo.

E deu certo.

Assista ao trailer de The Chef Show

UOL Entretenimento

Vingadores