Topo

Geek


Tem muito mais de "Capitã Marvel" em "X-Men: Fênix Negra" do que você imagina

"Capitã Marvel" e "X-Men: Fênix Negra"  - Divulgação
"Capitã Marvel" e "X-Men: Fênix Negra"
Imagem: Divulgação

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

06/06/2019 04h00

Atenção! O texto abaixo contém spoilers de "X-Men: Fênix Negra"

"X-Men: Fênix Negra" chega aos cinemas hoje após enfrentar muitas refilmagens no desfecho. O próprio elenco admitiu que a trama foi modificada para que não ficasse parecido com com outro filme recente de super-heróis.

"Tinham espiões no set e eles roubaram nossa ideia", brincou Michael Fassbender (Magneto) durante as entrevistas de divulgação do filme.

A dúvida ficou no ar sobre qual seria o título tão próximo assim que obrigou a Fox a mudar tudo. E temos um bom palpite após ver o filme.

Tanto no enredo, quanto no drama da protagonista, ou até mesmo pelos vilões, "X-Men: Fênix Negra" tem um quê de "Capitã Marvel", que chegou aos cinemas em março deste ano.

Quer provas? Vamos a elas.

Anos 90

A nova leva de filmes dos "X-Men" se passa em quatro décadas diferentes -- sim, eles envelhecem de forma bem lenta. "X-Men: Primeira Classe" se passa na década 60, "X-Men: Dias de um Futuro Esquecido" nos anos 70, "X-Men: Apocalipse" na década seguinte e o novo "Fênix Negra" nos anos 90.

"Capitã Marvel" usou e abusou para vender o filme de que o enredo se passa nos anos 90. A heroína apareceu já nos materiais de divulgação com uma camiseta do Nine Inch Nails, logo no início cai em uma locadora de filmes da Blockbuster, tenta usar um computador antigo sem internet e por aí vai.

"Fênix Negra" não se apoia tanto assim nos anos 90, mas a comparação é inevitável, desde as roupas utilizadas até os carros na rua, o ambiente é o mesmo do filme da Marvel.

Cenas parecidas

Lá para o final do filme, Sophie Turner levanta voo para mostrar como é realmente poderosa. Ela vira uma espécie de foguete em chamas, subindo para fora da Terra enquanto tenta derrotar a vilã Vuka (Jessica Chastain).

A cena é um tanto parecida com alguns momentos de "Capitã Marvel", e até mesmo a movimentação de câmera, os efeitos especiais e o foco sempre no rosto da protagonista.

Claro que, com uma trama cósmica, é inevitável certas semelhanças, mas ainda assim as cenas são muito parecidas, até mesmo quando elas demonstram seus poderes, com gestos e caretas parecidos.

Traídas por seus mentores

Yon-Rogg (Jude Law) e Professor Xavier (James McAvoy) têm muito em comum. O primeiro foi como um mestre para Carol Danvers (Brie Larson), quando ela não se lembra do passado e precisa aprender a controlar os seus poderes. Mesmo caso do líder dos X-Men, que foi como uma figura paterna para Jean Grey. Mas eis que mora o problema.

As protagonistas se sentem traídas pelos seus respectivos mentores. Yon-Rogg mostra que é o verdadeiro vilão da trama e quer defender de qualquer jeito os Kree; por outro lado, Professor Xavier mentiu para sua aluna em "Fênix Negra", escondeu o que aconteceu de fato com a sua família e manipulou a mente dela.

Enredo

Não é muito segredo o que acontece em "Fênix Negra": Jean é atingida por uma explosão solar que muda sua personalidade. Muito mais forte, ela não controla seus poderes e vira uma ameaça para os seus colegas da escola chefiada pelo Professor X.

Porém, o filme aborda muito da infância dela e de como ela construiu sua personalidade após o acidente dos pais e ajuda de Xavier. Boa parte do novo filme dos X-Men é Jean tentando entender qual o lugar dela no mundo e como ela pode controlar seus poderes.

"Capitã Marvel" tem uma jornada semelhante. Carol Danvers não se lembra de muita coisa e aos poucos lapsos de memórias indicam que ela teve uma vida no planeta Terra e que conseguiu de alguma forma suas força impressionante.

Danvers ainda luta contra ela mesma para se lembrar do passado e de como controlar seus poderes. Ela até fica surpresa no início quando consegue destruir quatro seguranças e atravessar paredes reforçadas. Demora um tempo até que ela consiga realmente dominar seu talento.

Skrulls dos X-Men

A vilã de "Fênix Negra" é Vuk. Ela é uma alienígena (assim como os Skrulls, de "Capitã Marvel"), vem ao planeta Terra como uma ameaça (assim como os Skrulls) e, ainda por cima, se transforma fisicamente em qualquer pessoa (assim como... bem você entendeu).

A diferença fundamental é que o novo X-Men não prega peças em seus fãs. Não há outro vilão na história, ou seja, não teremos uma mudança de perspectiva como aconteceu quando soubemos em "Capitã Marvel" que os Skrulls não são malignos e que a ameaça verdadeira reside em Yon-Rogg e nos Kree.

Trailer de "X-Men: Fênix Negra"

UOL Entretenimento