Topo

Livros e HQs


"Anitta é a heroína da própria história", diz Leo Dias ao lançar biografia da cantora

Carolina Farias/UOL
Leo Dias autografa "Furacão Anitta" para sua mãe, Virgínia Lima Dias Imagem: Carolina Farias/UOL

Carolina Farias

Do UOL, no Rio

2019-03-30T19:13:40

30/03/2019 19h13

Leo Dias finalmente lançou o tão falado "Furacão Anitta", a biografia não autorizada da cantora, em uma livraria no Rio de Janeiro. O lugar escolhido pelo jornalista foi uma livraria em um shopping de Bangu, bairro do subúrbio na zona oeste da cidade. Sem lista de convidados famosos, Leo distribuiu autógrafos no livro para anônimos, seus fãs e de Anitta.

"Sou do subúrbio do Rio. Tentei fazer em Honório Gurgel, na escola onde ela estudou, mas a prefeitura não autorizou por ser um livro comercial, mesmo eu prometendo distribuir o livro no colégio. A intenção é ir onde a leitura não é muito comum. Quero que a classe C volte a ler", afirmou Leo, nervoso com a livraria lotada.

"Não esperava. Eu estava com medo de estar vazio. Fico emocionado com isso. São muitos fãs do programa. Juntei as duas coisas, os dois tipos de fãs [meu e de Anitta]", disse o jornalista do "Fofocalizando".

Até a abertura da sessão de autógrafos, às 15h, 80 exemplares tinham sido vendidos na livraria. A primeira edição do livro, da editora Agir, um dos braços da Ediouro, tem uma tiragem de 50 mil exemplares que serão lançados em todo Brasil. Leo fará sessões de autógrafo novamente no Rio, dia 2, dessa vez com convidados famosos, e em várias capitais do país.

A reação de Anitta

Mesmo não autorizada, a biografia já recebeu elogios da própria Anitta, que usou os Stories ontem de seu Instagram para falar do livro. "Ainda bem que ela elogiou porque esse livro é uma homenagem a ela. Não estou aqui para deturpar a imagem da protagonista do livro. Ela é a heroína da própria história", afirmou Leo.

Na semana passada a editora soube que o livro foi pirateado. Ele começou a ser vendido em formato e-book no dia 24 e um PDF da obra foi distribuído irregularmente. Leo disse lamentar o fato, mas que também tem seu lado positivo. "O presidente da Ediouro me disse 'se estão pirateando é porque tem gente querendo ler'. Se tem gente querendo ler lamento que estejam pirateando, mas se é para chegar onde não chega, se a pessoa não tem condições e precisa fazer uma cópia, ok".

Quem comprou o livro

Carolina Farias/UOL
Marcelo Luiz de Sousa, primeiro da fila para comprar a biografia de Anitta Imagem: Carolina Farias/UOL

Fã de Anitta, o fotógrafo Marcelo Luiz de Sousa, de 42 anos, foi o primeiro da fila de autógrafos e o primeiro a comprar o livro. Ele chegou às 9h. "Quis um registro em documento de uma pessoa que em pouco tempo chegou onde chegou. E o Leo sempre apura dos dois lados e traz informação da credibilidade", afirmou.

Mais fã do jornalista que da funkeira e que esteve no lançamento foi a dona de casa Daiana Mendes, de 29. "Sou apaixonada por ele. Me tremi inteira. Desejo muita sorte. Ele é sensacional", afirmou Daiana, que levou no colo o filho Arthur, de 7 meses.

Muito emocionada, a mãe de Leo, Virgínia Lima Dias, 72, fez uma surpresa ao filho. "Ele merece. Não falei que viria, foi uma surpresa. É uma satisfação muito grande ver o sucesso dos filhos".

Mais Livros e HQs