Topo

Pop


Justin Bieber estampa capa com Hailey Baldwin e diz que ficou um ano sem sexo

Justin Bieber e Hailey Baldwin na capa da "Vogue" de março - Reprodução
Justin Bieber e Hailey Baldwin na capa da "Vogue" de março Imagem: Reprodução

Osmar Portilho

Do UOL, em São Paulo

07/02/2019 12h09

Justin Bieber e Hailey Baldwin estampam a capa da edição de março da revista Vogue. Na imagem, o cantor canadense aparece sem camisa enquanto abraça a modelo.

 A chamada para a matéria principal tem uma aspa do popstar: "Ela é a segurança que eu sempre quis". "Eu sou um cara emocionalmente instável. Eu sofro para encontrar paz. Eu quero que as coisas sejam tão boas e que as pessoas gostem de mim. Hailey é muito estruturada e racional, e é isso que eu preciso. Com o tipo de vida que eu tive tudo é muito incerto. Eu precisava de algo certeiro", afirmou.

O casamento de Justin e Hailey aconteceu em setembro do ano passado, mas eles ainda planejam uma cerimônia maior para a união. "A verdade é que o casamento é muito difícil. Essa é a frase que você deve ter em mente. É difícil pra c***", disse a modelo no artigo.

Hailey Baldwin ainda afirmou que se se sentiu muito só nos primeiros dias de união. A modelo recebeu muito ódio nas redes sociais assim que retomou a relação com o cantor, que tem uma massa de fãs que ainda torce para que ele namorasse novamente com Selena Gomez.

"Eu rezei muito para me sentir em paz com essa decisão e é nesse lugar que eu estou. Eu o amo muito. Eu já o amava há muito tempo", explicou. 

Justin em celibato 

Quando o casou se reuniu novamente em junho do ano passado, Justin estava há mais de um ano sem fazer sexo. O cantor disse que teve "um problema legítimo com sexo" e se impôs esse período em celibato para se sentir mais próximo com Deus.

"Ele quer nos proteger da dor e sofrimento. Eu acho que sexo pode causar muita dor. As pessoas às vezes transam porque não se sentem boas o suficiente. Porque não se valorizam. Eu quis me dedicar com Deus porque senti que seria o melhor para minha alma. E acho que o resultado é que Deus me abençoou com Hailey. São essas vantagens. Ele me premiou pelo bom comportamento", explicou.

"Quando eu a vi de novo em junho, eu tinha esquecido como eu a amava e sentia sua falta. O impacto positivo que ela tinha na minha vida. Eu fiquei tipo: 'nossa, era isso que eu estava procurando'".

O texto chega a citar a passagem de Justin Bieber pelo Rio de Janeiro, em 2013, onde foi flagrado em um bordel e diversas fotos caíram nas redes sociais onde aparecia com supostas prostitutas. O cantor justifica seu comportamento na época e afirma que abusava do uso de Xanax, medicamento prescrito para controlar ansiedade.

"Eu fiz coisas que me envergonho. Eu estava sendo muito promíscuo. Minha mãe sempre diz para eu tratar mulheres com respeito. Foi algo muito obscuro. As drogas me distanciavam do que eu estava fazendo".

Pop