PUBLICIDADE
Topo

Taika Waititi não vai dirigir "Guardiões 3": "Esse filme é do James Gunn"

O diretor James Gunn - Jordan Strauss/Invision/AP,
O diretor James Gunn Imagem: Jordan Strauss/Invision/AP,

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

04/02/2019 19h07

Taika Waititi, diretor de "Thor: Ragnarok", garantiu que não vai dirigir "Guardiões da Galáxia 3" e ainda justificou a decisão explicando que "esse é o filme do James [Gunn]".

O diretor participou de uma coletiva durante a television critics association e falou sobre o polêmico título, que ainda não tem diretor e nem data de lançamento.

"Não farei este filme. [Mas] Ainda estou ao lado da Marvel, falando sobre coisas novas, mesmo que ainda não saiba o que vai ser. Quero fazer outro filme", disse o cineasta.

O nome de Waititi vem circulando na imprensa norte-americana desde a saída de Gunn, responsável pelos dois primeiros filmes da franquia "Guardiões da Galáxia".

"Para mim, esse é o filme do James. Entrar em uma coisa dessa, que tem a marca dele em todos os lugares, seria como entrar na casa de alguém e dizer, 'Oi, eu sou seu novo pai", acrescentou.

Gunn foi demitido após voltar a circular na internet piadas sobre estupro e pedofilia que o diretor fez há quase dez anos. A mente por trás de "Guardiões" se desculpou pelos comentários e disse que tinha crescido como pessoa durante este tempo.

Gunn será responsável por roteirizar "Esquadrão Suicida 2", da DC, que chega aos cinemas em 2021.

O ator Michael Rooker como Yondu em cena de "Guardiões das Galáxia Vol. 2" - Reprodução - Reprodução
O ator Michael Rooker como Yondu em cena de "Guardiões das Galáxia Vol. 2"
Imagem: Reprodução