Topo

Wellington Camargo paga R$ 18 mil e é solto após prisão por dever pensão

Wellington Camargo, irmão de Zezé di Camargo & Luciano, participou do Teleton 2013 - AgNews
Wellington Camargo, irmão de Zezé di Camargo & Luciano, participou do Teleton 2013 Imagem: AgNews

Felipe Branco Cruz

Do UOL, em São Paulo

01/02/2019 12h09

Wellington Camargo, 47, irmão dos cantores sertanejos Zezé Di Camargo e Luciano, foi solto às 22h desta quinta-feira (31) após pagar a pensão alimentícia de um dos filhos, no valor de R$ 18 mil. A informação foi confirmada ao UOL por sua advogada, Darlene Liberato.

Wellington, que é ex-deputado estadual e cantor gospel, ficou dois dias preso no Núcleo de Custódia de Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital. A advogada confirmou também que Wellington teve, dentro da cadeia contato, com o médium João de Deus, acusado de abusar sexualmente de centenas de mulheres.

"Meu cliente é cadeirante e tem um grave problema na coluna. Ele está com cirurgia marcada. Por isso, ele foi encaminhado para uma ala na cadeia onde também está o médium João de Deus. Não sei o que eles conversaram lá dentro, mas ele se encontrou sim com o médium", disse a advogada.

A advogada disse ainda que o não pagamento da pensão ocorreu por conta dos problemas de saúde de Wellington. "Ele é cantor gospel e não está conseguindo fazer shows por causa dos problemas de saúde. Ele é irmão de famoso, mas isso não significa que ele é rico. Para pagar a pensão, ele vendeu o carro, não foi pedir ajuda à família".

Wellington contraiu poliomielite quando tinha 2 anos de idade e a doença o deixou com sequelas na coluna. Além disso, aos 27 anos, o cantor foi sequestrado e ficou 94 dias em cativeiro. Neste período, os bandidos cortaram a sua orelha esquerda e enviaram para a família exigindo pagamento do resgate, que foi pago e ele foi solto.

Em 2002, Wellington elegeu-se deputado estadual em Goiás e ocupou o cargo até o fim do mandato, em 2006.

Mais Sertanejo