Topo

Gabriel Diniz lança disco em fevereiro e troca "Jenifer" por musa de 82 anos

Divulgação
Capa de "GD À Vontade", novo álbum de Gabriel Diniz Imagem: Divulgação

Renata Nogueira

Do UOL, em São Paulo

2019-01-25T11:00:00

25/01/2019 11h00

Jenifer segue dando "matchs" por aí, mas Gabriel Diniz, dono do hit do verão, já se prepara para apresentar a sua sucessora. Ou melhor, as sucessoras. O cantor lança na próxima sexta (1º de fevereiro) o álbum "GD À Vontade", que promete trazer outras facetas do divertido intérprete de "Jenifer". Com nove faixas, o disco foi gravado em novembro em Pernambuco e chega a tempo de trazer novos hits para o Carnaval.

"Já tinha feito esse álbum e a intenção era lançar em dezembro ou em janeiro, mas a 'Jenifer' pegou uma velocidade enorme e acabamos esperando um pouco. Foi o tempo de trabalhar mais e mostrar também que Gabriel Diniz não é só 'Jenifer', tem mais conteúdo. Não sou um artista de uma música só. Já tenho uma história antes e vou mostrar que tenho uma história depois", afirma o cantor em entrevista exclusiva ao UOL sobre o novo trabalho.

A ideia é mostrar um lado mais intimista de Gabriel Diniz, que registrou o trabalho também em vídeo para lançar clipes de todas as faixas. As gravações rolaram na casa de um amigo em Gravatá e em outra casa no Recife. 

"Não sou um artista de uma música só. Já tenho uma história antes e vou mostrar que tenho uma história depois" Gabriel Diniz

"É um álbum mais tranquilo, mais relax, uma coisa mais intimista. Diferente dos meus outros DVDs que foram mais grandiosos como o 'GD At The Park' e o 'GD na Ilha', em Fernando de Noronha. Queria fazer algo mais próximo do público, então é em casa, sentado, em uma fogueira, é num quarto fazendo 'safadezinha'", explica.

"Safadezinha" é a primeira música de trabalho de "GD À Vontade" e o clipe promete trazer uma nova musa depois de transformar Mariana Xavier em "Jenifer".

Divulgação
Depois de Mariana Xavier como "Jenifer" e Aline Gotschalg como a ex, Gabriel Diniz vai apresentar musa anônima de 82 anos Imagem: Divulgação

"A minha musa agora é essa senhorinha que está incomodada porque eu estou fazendo safadezinha", explica Gabriel sobre a estrela do clipe, que é vizinha de um casal assanhado. "É uma senhorinha lá de Pernambuco, e mesmo com seus 82 anos ela tem uma energia que a galera vai se apaixonar por ela", garante o cantor.

Questionado se sua nova musa tem potencial para alcançar "Jenifer", o artista prefere esperar a reação de seus fãs. "Quero que o próprio público escolha a que prefere. É à vontade também pra curtir. Tem música mais romântica, tem música mais pra cima, tem o 'Boyzinho da Roça' que é mais pra aquele cara que é do interior. É para escolher o que mais gosta."

Mas depois de tantas alegrias, obviamente "Jenifer" não seria abandonada. Ela faz parte do álbum junto com "Safadezinha", "Boyzinho" e outras seis faixas: "Aquilo Que Nunca Me Deu", "Foi O Amor", "100 Outonos", "Só Dá Você", "Reapaixonar" e "Sete Chaves".

"Uma música diferente e que me toca bastante é 'Aquilo Que Nunca Me Deu'. Sei que vai mexer com muitas pessoas. A intenção desse álbum é justamente essa. Mostrar que o GD não é só da zoeira. É romântico, tem muita música falando de amor, de relacionamento, de volta por cima. É disso que a gente gosta também."

Mais Sertanejo