PUBLICIDADE
Topo

"A gente acabou se rendendo ao mercado", diz banda Malta

Banda Malta é entrevista no programa "The Noite" - Gabriel Cardoso/SBT
Banda Malta é entrevista no programa "The Noite" Imagem: Gabriel Cardoso/SBT

Jonathan Pereira

Colaboração para o UOL

19/12/2018 08h59

Luana Camarah, Thor Moraes, Adriano Daga e Diego Lopes, integrantes da banda Malta, falaram da troca de vocalista após a saída de Bruno Boncini e os novos projetos no "The Noite" de terça-feira (18)

A banda, que venceu a primeira edição do "Superstar" na Globo em 2014 e logo emplacou músicas em trilhas de novelas e promoveu um concurso em 2016 - "Malta: Faça Parte Desse Sonho" - para escolher sua nova voz. Luana, que já participou do "Astros", do SBT (2006) e do "The Voice Brasil" (2013), ficou com a vaga.

"Não foram 900 vocalistas de fato, mas 900 pessoas participaram", brinca Thor. Dois meses após lançarem o single "Pátria Amada", com participação de Carlinhos Brown e narração do ator Rodrigo Lombardi, eles comentam o mais novo single, "Manipulação".

"Estávamos trabalhando numa linha defasada para a gente, tínhamos que evoluir, pular para outro estilo musical. A gente acabou se rendendo a muitas coisas do mercado. O rock and roll deu uma infantilizada, virou aquela coisa de compor para tocar na rádio, tinha que ser o contrário, a música pela música. Tivemos que tirar a guitarra de certas músicas para tocar na rádio", conta a vocalista.

"Resolvemos jogar com outro time, partir para o que realmente acredita, queremos resgatar essa veia rock and roll. A galera está começando a ter agora essa sacada que o mercado sertanejo teve e monopolizou um pouco a música, porque toca de tudo para todos. O rock precisa fazer um pouco disso", analisa Luana.

Eles comentaram ainda sobre a participação do grupo na première do filme "Bohemian Rhapsody" e a emoção de cantar músicas de Freddie Mercury. "Somos fãs, mas tivemos a responsabilidade de tirar as músicas fielmente e representar", diz ela.