PUBLICIDADE
Topo

Críticas não influenciaram rumos de "Punho de Ferro", diz showrunner

Danny (Finn Jones, à direita) enfrenta Davos (Sacha Dhawan) em cena da segunda temporada de "Punho de Ferro" - Divulgação/Netflix
Danny (Finn Jones, à direita) enfrenta Davos (Sacha Dhawan) em cena da segunda temporada de "Punho de Ferro"
Imagem: Divulgação/Netflix

Beatriz Amendola

Do UOL, em Nova York*

07/09/2018 04h00

Para sua segunda temporada, que estreia nesta sexta-feira (7), "Punho de Ferro" ganhou uma repaginada e tanto em seus bastidores: Raven Metzner, de "Sleepy Hollow" e "Seis Graus de Separação", assumiu como showrunner no lugar do criador Scott Buck, que não resistiu às críticas de fãs e veículos da imprensa e, poucos meses após o lançamento, foi limado da série.

Metzer, fã assumido da Marvel desde sua infância, tinha um desafio e tanto nas mãos. Lidar com uma produção já envolta em controvérsia, afinal, não deve ser das tarefas mais tranquilas. Mas ele garante que não trabalhou na história de Danny Rand (Finn Jones) procurando dar uma resposta aos comentários negativos.

Leia também 

"Não gosto de contar histórias como uma reação, gosto de contar como uma criação", disse ele ao UOL e a um grupo de jornalistas durante visita ao set da série, em março. "Quando esse projeto apareceu, eu não falei 'deixe eu te mostrar como vou mudar tudo'. Eu me reuni com a Marvel, e eles disseram 'nós amamos o personagem, que história você quer contar'? Essa foi a nossa conversa. Então sim, eu li os comentários, eu gosto de olhar a internet, mas acho que a história é a história que eu sempre quis contar. Eu amo esse personagem e fiquei animado com a oportunidade".

O novo showrunner de "Punho de Ferro", Raven Metzner (à direita, de cabelos pretos), orienta Finn Jones e equipe nos bastidores da segunda temporada - Divulgação/Netflix - Divulgação/Netflix
Raven Metzner oriente Finn Jones no set de "Punho de Ferro"
Imagem: Divulgação/Netflix

O showrunner agora espera que as críticas possam ficar no passado. "Fãs e críticos são uma parte importante do processo, e todo mundo tem direito a opinião. Minha esperança é que as pessoas irão conferir essa nova temporada e deixar tudo isso para trás. Nós desenvolvemos a história com um amor verdadeiro por esses personagens e por esse universo, e espero que fãs e críticos respondam a isso."

Danny em NY

E o que esperar do segundo ano de "Punho de Ferro"? Segundo Metzner, o foco estará na nova vida que Danny está construindo em Nova York, o que irá aproximá-lo dos seus colegas heroicos de ?Os Defensores? -- Matt Murdock/Demolidor, Jessica Jones e Luke Cage. "Você vai ver muita ação, e no coração da série está Nova York e esses heróis da rua, algo que se torna ainda mais forte neste ano. Você vai ver esse herói em um novo universo em Nova York, realmente construindo uma vida na cidade, da mesma forma que os outros heróis."

Isso não significa, porém, que o lado místico será deixado de lado. "O personagem em si é muito único no universo Marvel porque é um personagem que, no fundo, tem uma filosofia mística do oriente, e isso é muito caro para mim. Vamos explorar isso, mas de uma forma pé no chão, de uma forma com que as pessoas possam se identificar. Vamos mostrar como é ele estar em um novo lugar, uma nova cidade, em um novo relacionamento."

Colleen (Jessica Henwick) e Danny (Finn Jones) conversam em cena da segunda temporada de "Punho de Ferro" - Divulgação/Netflix - Divulgação/Netflix
Colleen (Jessica Henwick) e Danny (Finn Jones) conversam em cena da segunda temporada de "Punho de Ferro"
Imagem: Divulgação/Netflix

À época, Metzner ainda não podia revelar a escalação de Alice Eve como a vilã Mary Tyfoid - anunciada durante a San Diego Comic-Con, em julho - , mas já havia insinuado que conheceríamos novos personagens, além de saber mais sobre aqueles já apresentados. "Há pessoas que são parte do tecido de Nova York que não conhecemos ainda e vamos introduzir. Mas no fim da [primeira] temporada, eu tinha muitas perguntas sobre esses personagens, queria saber mais sobre eles, sobre seus relacionamentos, e espero que o público também. Vamos nos aprofundar nesses personagens, nos seus relacionamentos, no passado e na conexão entre eles."

Easter eggs

A relação de Metzner com o Danny  Rand e o Punho de Ferro vem desde a pré-adolescência do roteirista e produtor, que cresceu em Nova York. Aos 13 anos, ele adorava comprar gibis de super-heróis e costumava trocar histórias com um amigo, já que recebia pouco dinheiro de seus pais para gastar com o hobby. "Eu não conhecia nenhuma história de artes marciais. Lia outros heróis, gostava muito do Demolidor, do Hulk, e ele gostava muito do Punho de Ferro. Minha mãe não comprava esses porque pareciam muito violentos. Então eu trazia para casa, me trancava no quarto e lia. Eu me apaixonei com toda essa ideia de artes marciais e heróis?.

Dessa paixão, saíram alguns easter eggs da nova temporada - que fazem referências inclusive às outras séries da parceria Marvel-Netflix. "Muitas vezes eu fui à sala de Jeph Loeb e tentei convencê-lo a me contar coisas do universo Marvel. E ele foi muito generoso. Acho que se você é muito fã desse tipo de coisa, há muitos momentos que te farão sorrir".

*A repórter viajou a convite da Netflix