PUBLICIDADE
Topo

Bilheteria de filme com Kevin Spacey soma US$ 126 em estreia nos cinemas

Kevin Spacey em cena de "Billionaire Boys Club" - Reprodução
Kevin Spacey em cena de "Billionaire Boys Club" Imagem: Reprodução

Osmar Portilho

Colaboração para o UOL

20/08/2018 12h51

A ideia inicial de "Billionaire Boys Club" era ter uma grande estrela de Hollywood dentro de seu orçamento (US$ 15 milhões), número modesto para os padrões da indústria. Como já havíamos adiantado por aqui, as denúncias de assédio direcionadas ao ator poderiam transformá-lo em um vilão para nas bilheterias de um filme que já tinha uma expectativa baixa. No seu dia de estreia, depois de estrear em apenas dez salas, a bilheteria do longa somou a cifra de US$ 126 (cerca de R$ 497) e mais US$ 162 (aproximadamente R$ 639) no dia posterior.

A distribuidora já tinha anunciado em agosto que lançaria o filme apesar das críticas ao ter mantido Spacey no projeto. "Esperamos que essas alegações angustiantes relativas ao comportamento de uma pessoa - que não eram conhecidas publicamente quando o filme foi feito há quase três anos - não manchem o lançamento [do projeto]", disse a produtora em comunicado.

O projeto foi gravado há quase três anos, muito antes dos casos de assédio contra o ator saírem publicamente, e virou motivo de revolta na internet por não ter cortado a participação do ator e ainda o creditado como vencedor da estatueta mais desejada da indústria cinematográfica por "Os Suspeitos" e "Beleza Americana".

Errata: o texto foi atualizado
O nome do filme que conta com Kevin Spacey é "Billionaire Boys Club".