Topo

Filmes e séries


1º filme de Kevin Spacey após casos de assédio estreia em apenas 10 cinemas

Reprodução
Kevin Spacey em cena do trailer de "Billionaire Boys Club" Imagem: Reprodução

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

17/08/2018 20h42

“Billionaire Boys Club”, primeiro filme de Kevin Spacey lançado após as denúncias de assédio contra o ator, estreou em apenas 10 cinemas nos Estados Unidos. O projeto, que ainda tem no elenco grandes nomes como Ansel Elgort, Taron Egerton, Billie Lourd e Emma Roberts, pulou os grandes mercados norte-americanos e está espalhado por pequenas cidades do país.

A distribuidora já tinha anunciado em agosto que lançaria o filme apesar das críticas em ter mantido Spacey no projeto. "Esperamos que essas alegações angustiantes relativas ao comportamento de uma pessoa - que não eram conhecidas publicamente quando o filme foi feito há quase três anos - não manchem o lançamento [do projeto]", explicou a empresa.

“Não toleramos o assédio sexual em qualquer nível e apoiamos totalmente as vítimas. Ao mesmo tempo, lançar este filme nos cinemas não é uma decisão fácil nem insensível, mas acreditamos em dar ao elenco, assim como centenas de membros da equipe que trabalharam duro no filme, a chance de ver seu produto final chegar ao público", completou.

Diferentemente de "Todo o Dinheiro do Mundo", em que novas gravações foram feitas para substituir o astro gerando um custo extra de US$ 10 milhões, "Billionaire Boys Club" é uma produção considerada de baixo orçamento em Hollywood (US$ 15 milhões) e não conseguiria arcar com tantas mudanças.

O filme ainda não tem previsão se ser lançado no Brasil.