Topo

Oscar


4º prêmio da noite: "A Forma da Água" vence o Oscar de melhor filme

"A Forma da Água" - Divulgação
"A Forma da Água" Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

05/03/2018 01h46

"A Forma da Água" foi escolhido o melhor filme na 90ª edição do Oscar. A fantasia de Guillermo del Toro superou "Corra!", "Dunkirk", "O Destino de uma Nação", "Lady Bird: A Hora de Voar", "The Post: A Guerra Secreta", "Três Anúncios para um Crime", "Me Chame pelo Seu Nome" e "Trama Fantasma" para levar o principal prêmio da noite.

Nas outras categorias principais, Gary Oldman venceu como melhor ator por "Um Destino de Uma Nação"; Frances  McDorman levou a estatueta de melhor atriz por "Três Anúncios para um Crime"); Jordan  Peele conquistou o Oscar por melhor roteiro original com "Corra!" e Guillermo  del Toro subiu ao palco para pegar o Oscar de diretor por "A Forma da Água".

Ao receber a principal estatueta da noite, Del Toro dedicou o prêmio "a cada jovem cineasta, a juventude que está nos mostrando como as coisas devem ser feitas. Eles estão. Em todos os países do mundo. E eu, uma criança apaixonada por filmes crescendo no México achei que isso nunca aconteceria. Acontece". E quero dizer para todo mundo que sonha em usar um gênero ou a fantasia para contar histórias sobre coisas que são reais, você consegue. Esta é uma porta. Chute-a e entre".

Além de filme e diretor, "A Forma da Água" também faturou os prêmios de trilha sonora e design de produção. Planejado por Del Toro, o filme conta a história de uma mulher que se apaixona por uma criatura aquática, e que luta contra forças poderosas para poder ficar com o seu amado -- e estranho -- parceiro.

O prêmio foi entregue novamente por Warren Beatty e Faye Dunaway, dupla de "Bonnie & Clyde - Uma Rajada de Balas", que ano passado foi alvo de confusão para anunciar o vencedor da estatueta de melhor filme. Para quem não se lembra, o envelope foi trocado e Faye anunciou que "La La Land - Cantando Estações" conquistou o Oscar, mas, na verdade, "Moonlight: Sob a Luz do Luar" foi o destaque da noite.

"Agora é um momento que tudo vai dar certo, vamos com calma", tranquilizou o apresentador da cerimônia, Jimmy Kimmel, antes de anunciar os apresentadores da categoria. Ele ainda brincou que esta seria a comemoração dos 51 anos do clássico filme da década de 60. Ao receber o seu Oscar, Del Toro fez questão de olhar dentro do envelope se o nome de "A Forma da Água" estava mesmo indicado como melhor filme.

Diretor de "A Forma da Água", Guillermo del Toro confere se realmente venceu o Oscar de melhor filme - REUTERS/Lucas Jackson
Diretor de "A Forma da Água", Guillermo del Toro confere se realmente venceu o Oscar de melhor filme
Imagem: REUTERS/Lucas Jackson

Fugindo da polêmica

Muitos duvidavam que "A Forma da Água" levaria prêmios importantes na noite, por ser um filme de fantasia, gênero poucas vezes reconhecido no Oscar, e pela acusação de plágio que vem enfrentando. Uma ação apresentada à Justiça americana no último mês pelo filho do autor David Zindel afirma que Del Toro copiou o enredo original da peça "Let Me Hear You Whisper".

De acordo com a acusação, o produtor Daniel Kraus, que propôs o filme a Del Toro, é um grande admirador da obra Zindel, assim como o cineasta, e teria apresentado a ideia de história no mesmo ano em que a peça foi ao ar na TV americana. "Esses e outros detalhes reveladores da escrita e produção do longa evidenciam fortemente que os réus infringiram conscientemente a peça de Zindel".

Em comunicado, a Fox Searchlight classificou a acusação de "sem fundamento" e "totalmente sem mérito". "Vamos apresentar uma moção para a corte da Califórnia abandonar o caso", afirma o estúdio. "Além disso, a queixa parece ter sido feita para coincidir com o ciclo de votação do Oscar, para nos pressionar. Nós defenderemos vigorosamente este filme inovador e original."

A peça de Zindel retrata uma mulher solitária que trabalha em um centro de pesquisas durante a Guerra Fria. Aos poucos, a protagonista cria uma compaixão por um golfinho, que conversa apenas com ela. Quando o animal se recusa a cooperar com os cientistas, a sua "amiga" vai fazer de tudo para salvar o mamífero aquático.

A trama é muito parecida com a história de Elisa Esposito, a mulher que se apaixona por uma criatura aquática e vai lutar por esse amor no filme do cineasta mexicano. Ambos se passam durante a Guerra Fria —período turbulento em que os Estados Unidos e a União Soviética disputavam a supremacia mundial— e suas protagonistas dividem as mesmas características, além de encontrarem um amor "impossível".

Nas redes sociais, a produção de Del Toro ganhou o apelido de "A Forma do Plágio". "Ninguém parece falar sobre isso, mas eu assisti à produção televisiva de 'Let Me Hear You Whisper' uma semana antes de ver 'A Forma da Água' e não tem alguém envolvido na história que não conheça a peça. São muitas similaridades. Estou surpresa que nenhum familiar do escritor Paul Zindel esteja processando", lembrou um usuário.

"A Forma da Água" estreou nos cinemas brasileiros no dia 1° de fevereiro.