PUBLICIDADE
Topo

Pela primeira vez, Gary Oldman recebe estatueta do Oscar de melhor ator

Gary Oldman mostra o seu Oscar de melhor ator por "O Destino de uma Nação" - REUTERS/Lucas Jackson
Gary Oldman mostra o seu Oscar de melhor ator por "O Destino de uma Nação" Imagem: REUTERS/Lucas Jackson

Do UOL, em São Paulo

05/03/2018 01h24

Gary Oldman levantou, pela primeira vez na carreira, o Oscar de melhor ator.

O britânico recebeu o esperado prêmio na madrugada desta segunda-feira (05) por viver Winston Churchill em “O Destino de Uma Nação”, filme mostra o primeiro-ministro da Inglaterra liderando o país na guerra contra o nazismo.

"Eu vivi na América e sou grato pelo amor e amizades que fiz, além dos muitos presentes que recebi: meu lar, minha família e este Oscar", revelou o britânico, visivelmente emocionado. "Gostaria de agradecer minha mãe, que vai fazer 99 anos, ela está assistindo à cerimônia e gostaria de falar: 'Obrigado pelo amor e apoio'", completou o ator.

Oldman já havia recebido uma indicação em 2012 por “O Espião Que Sabia Demais”, mas perdeu o prêmio na ocasião para Jean Dujardin.

Desde os anos 80, em "Sid & Nancy", o ator vem chamando a atenção da indústria cinematográfica. Versátil, ele ficou marcado por papeis em "JFK: A Pergunta Que Não Quer Calar", "Drácula de Bram  Stoker", "O Quinto Elemento", "O Profissional" e "Minha Amada Imortal", além de também ser reconhecido pela saga "Harry Potter", como Sirius Black, e a trilogia do Batman, de Christopher  Nolan, em que interpretou o Comissário Gordon.

Oscar