Entretenimento

Virada Cultural 2015 teve 73 ocorrências no centro de São Paulo, diz PM

Marco de Castro

Do UOL, em São Paulo

21/06/2015 18h29

A Virada Cultural 2015 registrou nesta edição menos ocorrências do que no ano passado, segundo o coronel Reinaldo Zychan, da Polícia Militar de São Paulo. Em entrevista coletiva para jornalistas, ele informou que houveram 73 ocorrências registradas na região central da cidade, entre roubos e furtos, principalmente de celulares, e tráfico de drogas, enquanto em 2014 sete pessoas foram baleadas e quatro feridas a faca no evento. Ele não soube informar o total de ocorrências nos anos anteriores.

Nesta edição alguns palcos da Virada foram instalados na periferia para diminuir o fluxo no centro. O que você achou?

Resultado parcial

Total de votos
Total de votos

O crime mais grave relatado pelos policiais, até a manhã deste domingo, foi de um arrastão ocorrido à meia-noite próximo à avenida São João. Foram detidos 35 suspeitos para averiguação, mas só três acabaram presos, dois deles menores de idade.

Virada da Paz

O secretário municipal do Esporte e da Cultura, Nabil Bonduki, destacou que a Virada Cultural deste ano foi um evento "da paz". "O público foi menor (do que dos outros anos) na madrugada, pois fez muito frio, mas foi maior durante o dia, que fez sol", disse ele à imprensa na Biblioteca Mário de Andrade.

"Eu não vou falar em números porque não há base científica. Fazer o calculo de número de público da Virada é muito difícil, porque o evento dura 24 horas. Tem pessoas que vêm para ver um show, tem pessoas que vêm para ficar 12 horas, outras vão dormir e voltam. Mas, de uma maneira geral, eu diria que tivemos um número muito significativo de pessoas. Eu digo isso no centro [da cidade]. E, além disso, tivemos outros palcos na periferia, no Ibirapuera, no Largo da Batata, lugares fechados. Do ponto de vista comparativo, eu diria que não tivemos um público menor do que nos outros anos."

De acordo com Bonduki, o número de atendimentos médicos foi de 268, com 64 remoções. Ele comparou o dado com o de 2013, que foi de 1.883 atendimentos, com 272 remoções. Quanto ao lixo, disse que 50 toneladas foram recolhidas pelos funcionários da prefeitura. O inspetor Cesar Guimarães, da Guarda Civil Metropolitana, por sua vez, informou que 2.310 GCMs atuaram na Virada Cultural. Segundo ele, 19.145 ítens foram apreendidos de ambulantes ilegais, entre refrigerantes, cervejas, vinhos e capas de chuva. 

Bonduki destacou ainda que a Viradinha, com programação voltada às crianças, foi "um sucesso" e que, no ano que vem, ela também acontecerá nos bairros da periferia, uma medida para garantir o acesso de mais pessoas, principalmente de classes sociais mais baixas, às atrações do evento. "Toda política pública no município de São Paulo visa garantir os mesmos direitos a certos serviços em todas as regiões da cidade. A Viradinha, por exemplo, foi uma maravilha em termos de presença de público. O que a gente nota, porém, é que a Viradinha tinha basicamente pessoas de classe média, que moram no centro expandido. Porque é difícil alguém pegar uma criança da periferia e trazer para o centro. No ano que vem, nós faremos uma Viradinha em cada região."

Sobre o cancelamento das atrações no Minhocão às vésperas da Virada, o secretário disse que ocorreu por questões de segurança e admitiu que o diálogo entre prefeitura, PM e Ministério Público para que a decisão fosse tomada poderia ter ocorrido com mais antecedência. "É claro que um planejamento prévio, com mais antecedência é sempre melhor, mas mesmo tendo algum atraso nesse planejamento conjunto, ele foi feito e gerou um bom resultado", disse o secretário, ressaltando que o Minhocão foi projetado para automóveis, não para pessoas e que o elevado precisaria de "adaptações" para ser utilizado com mais segurança em eventos de grande porte. "Num evento de 1.500 atrações, é impossível que alguma alteração não vá acontecer", finalizou. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo