PUBLICIDADE
Topo

Fernanda Torres lembra último contato com João Ubaldo: "era muito afetuoso"

Marcela Ribeiro*

Do UOL, no Rio de Janeiro

18/07/2014 18h39Atualizada em 22/07/2014 18h54

A atriz Fernanda Torres, que deu vida à versão em carne e osso de um dos livros mais famosos de João Ubaldo Ribeiro, "A Casa dos Budas Ditosos", relembrou durante o velório do escritor, na Academia Brasileira de Letras, o último contato que teve com o amigo antes de sua morte

"Há três semanas eu precisei de um amigo, liguei e ele foi incrível. Ubaldo era totalmente afetuoso. Ele era muito severo diante de uma estupidez. Por outro lado, de uma candura, de um calor humano, de um afeto impressionante", disse a atriz ao UOL.

Fernanda estreou em 2003 o monólogo baseado no livro de João Ubaldo, com direção de Domingos de Oliveira, e ficou em cartaz em diferentes temporadas até 2010, com grande sucesso de público. O espetáculo também chegou a reestrear em 2013. 

"Li 'Casa dos Budas' para dizer não, achei que não ia fazer. Mas, quando acabei, não resisti a ele", conta a atriz. "Ubaldo tinha por características essa história de contar causos. Você passava uma noite, era um atrás do outro, você ficava dependente daquilo que a 'Casa dos Budas' tem. Vou continuar fazendo a peça sim, agora como se estivesse com ele ao meu lado", afirmou.