PUBLICIDADE
Topo

Cardi B critica cultura do cancelamento: 'Querem que eu desista'

Cardi B na capa da revista "Elle" - Reprodução/Instagram
Cardi B na capa da revista 'Elle' Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

11/08/2020 19h21

Cardi B tem sido um dos alvos constantes de "cancelamento" nas redes sociais. De críticas que vão de ações consideradas racistas até criação de perfil fake em rede social para criticar outros artistas, a rapper reage perplexa às acusações.

"É como se eu tivesse um alvo nas minhas costas, mas não é por causa da minha música. Porque não faço música há oito meses e as pessoas ainda tentam me atacar", desabafou em entrevista para a revista Elle dos Estados Unidos.

"Eu sinto que as pessoas estão me atacando porque querem que eu sinta a pressão do bullying, e querem que eu desista, e querem que eu diga: 'Ah, parei com a música' ou 'Vou deletar meu Instagram, deletar meu Twitter ', e não estou disposto a fazer isso. Ninguém jamais terá tanto poder [sobre] mim", completou.

Mesmo assim, ela não perde seu foco nem pensa em desistir do espaço que conquistou. "De jeito nenhum eu vou desistir. Eu não dou a mínima se o mundo inteiro me critica. Eu não dou a mínima se as pessoas inventam mentiras sobre mim todos os dias. Quero deixar bem claro que ninguém jamais pode me fazer desistir".

Novo álbum

Recentemente, Cardi B lançou o single "Wap" em parceria com Megan Thee Stallion. O álbum completo também está a caminho, com previsão de chegar ao mercado ainda neste ano.

Na entrevista, ela contou alguns detalhes do que vem por aí.

"Minha música sempre vai fazer uma mulher se sentir uma vadia má. Quando você faz uma mulher se sentir a pior vadia da sala, para mim, isso é empoderamento feminino. Mas esse álbum vai ser bem diferente. Claro, vai ter meus momentos de Lemonade [álbum de Beyoncé], meus momentos de relacionamento pessoal".

A cantora também falou de sua necessidade de falar sobre seu relacionamento com o rapper Offset.

"Não gosto muito de falar sobre amor, mas sinto que tenho que fazer isso, só porque quero que as pessoas saibam um pouco. Sempre há rumores sobre mim e meu marido, e eu sinto que as pessoas preferem falar disso porque querem que eu fique com o coração partido. Eles querem que eu me machuque", declarou.