PUBLICIDADE
Topo

Filme de Maguila com Babu terá lutas históricas e voz de Luciano do Valle

Babu Santana, que viverá Maguila no cinema - Reprodução/Montagem
Babu Santana, que viverá Maguila no cinema Imagem: Reprodução/Montagem

Leonardo Rodrigues*

Do UOL, em São Paulo

08/05/2020 04h00

Quando recebeu o convite para estrelar a cinebiografia de Maguila, depois de viver Tim Maia, o "paizão" Babu Santana deu uma resposta tão ligeira quanto os jabs de esquerda do ex-campeão dos pesos pesados. O projeto do filme, intitulado "Welcome Maguila", existe há nove anos e vem sendo tocado pelo produtor Josmar Bueno Junior, filho do boxeador Josmar Bueno e amigo próximo de Maguila. O longa deve estrear em 2022 ou 2023, reunindo histórias conhecidas e surpresas de uma das mais carismáticas figuras do esporte brasileiro.

Como será o filme?

Segundo o UOL apurou, a trama será uma superprodução, com toques dramáticos e também passagens polêmicas, assim como "Tim Maia" e "10 Segundos para Vencer", cinebiografia de Éder Jofre. Vai acompanhar desde a infância humilde do personagem, em Aracaju (SE), que será mostrada em flashbacks, até a consagração nos ringues paulistas nos anos 1980.

Maguila está acompanhando o projeto e dando pitacos na trama, que ainda contará com toques de humor -ao estilo do boxeador- e focará a história de superação do ex-pedreiro analfabeto que, contra todas as possibilidades, sonhou em ser Mike Tyson e foi capaz de galgar a fama conquistando o cinturão de campeão mundial pela FMB (Federação Mundial de Boxe).

Maguila no auge da forma física nos anos 1980 - Divulgação
Maguila no auge da forma física nos anos 1980
Imagem: Divulgação

Direção

O cearense Halder Gomes ("Cine Holliúdy" e "Os Parças") comandará o projeto, com roteiro de Lusa Silvestre ("Estômago" e "A Glória e a Graça"). Em paralelo ao longa de ficção, também serão lançados um documentário e uma biografia sobre o pugilista, programados para a mesma época. O processo de preparação de Babu Santana, que precisará entrar em forma e perder cerca de 20 kg de gordura, ainda renderá uma websérie. A previsão de início de filmagens do longa é até meados de 2021.

O diretor Halder Gomes nos bastidores do filme "Cine Holliúdy" - Divulgação
O diretor Halder Gomes nos bastidores do filme "Cine Holliúdy"
Imagem: Divulgação

Hiper-realismo

Para a alegria de fãs do esporte, "Welcome Maguila" reconstruirá lutas históricas dos anos 1980, incluindo as duas com o argentino Daniel Falconi e as duas com o holandês Andre van den Oetelaar, que mudaram a vida de Maguila e o colocaram na prateleira de ídolos do esporte nacional.

Segundo o produtor, os embates terão realismo extremo. A produção assistiu aos vídeos desses combates e decupou cada movimento dos lutadores, que serão reproduzidos minuciosamente no processo de filmagem. E o pacote será completo. As narrações originais de Luciano do Valle, que se tornou amigo de Maguila, serão utilizadas nas cenas.

Elenco

Além de Babu Santana, outro nome é certo: o ator Juliano Cazarré. Ele encarnará o antagonista Daniel Falconi, primeiro carrasco da carreira de Maguila, que o derrotou em 1985 em Sorocaba e perdeu a revanche disputada no estádio do Corinthians, em São Paulo, um ano depois, diante de mais de 9.000 presentes. Também virarão personagens a mulher do lutador, Irani, além dos treinadores Ralph Zumbano e Miguel de Oliveira.

Curiosidade: o ator americano Bobby Holland, dublê de Thor e Capitão América, aceitou interpretar o holandês Van den Oetelaar e também deve participar do longa.

O filme está sendo produzido há anos. Por que ainda não foi filmado?

A produção precisou ser interrompida por entraves na captação de recursos. Em 2014, o estado de saúde de Maguila, que sofre de encefalopatia traumática crônica e vem se recuperando aos poucos, agravou-se, e Josmar precisou deixar o projeto de lado para ajudar no tratamento do amigo. Mudanças recentes nas leis de incentivo ao audiovisual, que vêm sendo esvaziadas desde o governo Temer, também atrapalharam na prospecção de parceiros para financiar a produção.

Orçamento

Orçado em R$ 8,9 milhões —para efeito de comparação, "Mais Forte que o Mundo", cinebiografia do lutador de MMA José Aldo, teve orçamento estimado de R$ 5 milhões—, o filme ainda não começou a captar, mas, segundo Josmar Bueno, já conta com cartas de interesses de distribuidoras e parceiros próximos de acerto.

"O projeto está esquentando de novo. Estamos buscando novas formas de financiamento. O roteiro já recebeu novo tratamento. E acho que a visibilidade do Babu no 'BBB' vai abrir portas", opina o produtor, que assinará o longa com sua própria empresa, a Livre Cine Produções, em parceria com a carioca Capuritv.

E o que diz Babu?

Babu conheceu Maguila e começou a preparação para o filme em 2015, com o amigo e instrutor Raff Giglio, em sua escola de boxe no Morro do Vidigal. Em entrevista ao UOL, o ator afirma que retomará os trabalhos físico e nutricional nas próximas semanas, treinando em casa e sob acompanhamento do preparador Alexandre Bró. Nessa fase, o desafio maior será perder gordura e ganhar massa muscular.

"Vou começar com uma dieta drástica de 1.600 calorias por dia", adianta Babu, que se diz empolgado com a chance de encarnar outro totem da cultura pop brasileira, depois de Tim Maia. Antes, ele retornará aos cinemas vivendo o cabo Lobo no filme "Intervenção", dirigido por Caio Cobra e estrelado por Marcos Palmeira, que já foi rodado e está previsto para estrear em outubro.

Suando a camisa 2°treino

Uma publicação compartilhada por Babu Santana (@babusantana) em

Tenho certeza de que será um filme maravilhoso, do jeito que o Maguila merece. Com ele vivo e podendo colher os frutos. Teremos profissionais muito competentes envolvidos. Quando essa loucura do coronavírus acabar, a gente vai precisar muito sonhar e se divertir. E a história de Maguila por si só já é uma inspiração.

* Colaborou Marcela Ribeiro

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado na primeira versão desta reportagem, Maguila nasceu em Aracaju (SE), não em Alagoas. O texto foi corrigido.

Filmes e séries