PUBLICIDADE
Topo

Nasceu antes da saga: inglês lista os problemas por se chamar Harry Potter

O inglês Harry Potter, nascido antes da autora J.K. Rowling lançar a saga do bruxinho Harry Potter - Reprodução
O inglês Harry Potter, nascido antes da autora J.K. Rowling lançar a saga do bruxinho Harry Potter Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

19/04/2020 15h16

Ele se chama Harry Potter e isso aconteceu antes da saga de sucesso da escritora J.K. Rowling. No entanto, embora você possa achar isso divertido, ele conta que seu nome verdadeiro traz muitos problemas.

Em um relato publicado na edição britânica do jornal Metro, Harry Potter conta que nasceu em maio de 1994.

"Exatamente um mês após meu aniversário de 3 anos, J.K. Rowling publicou o primeiro dos sete livros de uma franquia que se tornaria uma sensação global. Ela, sem dúvida, mudou minha vida", contou ele.

Harry diz que virou o centro das atenções na escola, quando criança, e atraiu a mídia por onde passava. Ele diz que ao contar sua história, conheceu muitos "Katie Prices, Michael Jacksons e Gordon Bennetts - assim como muitos Harry Potters".

Estudante de pós-graduação na Universidade de Manchester, ele diz que participa sempre de conferências no Reino Unido e, a cada vez, tem a mesma preocupação: o nome no crachá.

"É sempre uma expectativa sobre quão grande e visível será a fonte [da letra] no meu crachá. Muitas vezes vejo pessoas dando uma segunda olhada ou esticando o pescoço para ver se é isso mesmo que está escrito", diz ele.

No aniversário de 23 anos de Harry, os amigos resolveram dar uma camiseta para evitar perguntas sobre o seu nome. Na camisa, se lê a seguinte mensagem: "Sim, este é meu nome. Não, eu nasci antes dos livros".

A camiseta, no entanto, não o protegeu de todos os inconvenientes. "Recentemente, fui bloqueado no Facebook porque meu nome 'violava a política de representação de figuras famosas' e não era permitido o acesso até que eu enviasse cópias da minha identificação'", contou ele.

Em outra ocasião, ao enviar um email no trabalho foi confundido com um vírus, até um colega de trabalho provar para o destinatário que havia um Harry Potter real ali.

Apesar dos problemas, Harry diz que não mudaria de nome e nunca pensou em entrar em contato com a autora da saga J.K. Rowling para acertas as contas por ter "roubado" seu nome.

"Se você for nomeado com o nome de um personagem famoso, é melhor escolher o personagem principal. Eu nunca mudaria isso, embora, se ela quisesse entrar em contato, adoraria conversar com sobre como sua criação influencia minha vida cotidiana", disse Harry.

Livros e HQs