PUBLICIDADE
Topo

Gal Gadot diz que 'Mulher-Maravilha' foi adiado em momento 'assustador'

Gal Gadot, a "Mulher-Maravilha" - Iwi Onodera/UOL
Gal Gadot, a "Mulher-Maravilha" Imagem: Iwi Onodera/UOL

Do UOL, em São Paulo

24/03/2020 17h32

O adiamento de "Mulher-Maravilha 1984", na visão de Gal Gadot, é apenas mais um acontecimento que comprova um momento histórico "sombrio e assustador". A atriz torce por um futuro mais calmo em meio à pandemia do novo coronavírus.

"Neste momento sombrio e assustador, eu estou ansiosa por um futuro mais brilhante. Onde nós poderemos compartilhar o poder do cinema juntos novamente", escreveu a atriz no Twitter.

O filme protagonizado por ela e produzido pela Warner Bros estrearia no Brasil no dia 4 de junho, mas, agora, tem nova data de lançamento nos Estados Unidos: 14 de agosto de 2020.

"Estou empolgada para remarcar o nosso 'Mulher-Maravilha 1984' para 14 de agosto de 2020. Eu espero que todos vocês estejam seguros, e estou enviando meu amor a todos", completou.

Filmes e séries