PUBLICIDADE
Topo

Filmes sobre caso Richthofen terão exibição dupla pelo preço de um ingresso

Cartazes de "A Menina que Matou os Pais" e "O Menino que Matou Meus Pais" - Divulgação
Cartazes de "A Menina que Matou os Pais" e "O Menino que Matou Meus Pais" Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

09/03/2020 10h27

Resumo da notícia

  • 'A Menina que Matou os Pais' e 'O Menino que Matou Meus Pais' terão sessões promocionais a partir de 19/03
  • 'Sessão dupla' dos filmes sobre caso Richthofen sairão pelo preço de um ingresso
  • Estreia oficial é em 2 de abril, com sessões separadas

Os filmes "A Menina que Matou os Pais" e "O Menino que Matou Meus Pais", longas que abordam o caso Richthofen do ponto de vista de Suzane (Carla Diaz) e Daniel Cravinhos (Leonardo Bittencourt), respectivamente, serão exibidos em sessões duplas pelo preço de um ingresso, divulgou hoje a Galeria Distribuidora.

As sessões promocionais acontecem a partir de 19 de março, algumas semanas antes da estreia oficial — em 2 de abril. A partir desta segunda data, os filmes serão exibidos em sessões separadas, mas espectadores poderão comprar os ingressos em pacotes com descontos.

Será possível comprar um pacote para ver os dois filmes pagando o valor equivalente a um ingresso e meio (válido para inteira e meia entrada), não sendo necessário assistir aos longas no mesmo dia para aproveitar a promoção.

Os filmes, com roteiros de Ilana Casoy e Raphael Montes, são baseados nos autos do julgamento de Suzane von Richthofen, Daniel e Cristian Cravinhos pelo assassinato dos pais de Suzane, Marísia e Manfred. Ambos são dirigidos por Maurício Eça.

Allan Souza Lima (Cristian Cravinhos), Kauan Ceglio (Andreas von Richthofen), Leonardo Medeiros (Manfred von Richthofen), Vera Zimmermann (Marísia von Richthofen), Debora Duboc (Nadja Cravinhos) e Augusto Madeira (Astrogildo Cravinhos), entre outros, estão no elenco.