PUBLICIDADE
Topo

Noah Centineo relembra do vício em drogas: "Época sombria da minha vida"

O ator Noah Centineo - Reprodução/Harper"s Bazaar
O ator Noah Centineo Imagem: Reprodução/Harper's Bazaar

Do UOL, em São Paulo

12/02/2020 16h48

Noah Centineo, o galã de Para Todos os Garotos que Já Amei, deu uma entrevista revelado para a Harper's Bazaar abrindo o jogo sobre seu vício em drogas. Ele contou que dos 17 até os 20 anos usou todos os tipos de drogas para tentar aliviar uma tristeza profunda.

"Há um sindicato de umas 500 a 1.000 crianças na indústria de entretenimento que estão tentando marcar seu nome [em Hollywood] e tudo o que elas fazem de segunda a segunda é festejar", disse o ator de 23 anos.

Noah afirmou que usou vários tipos de drogas, mas que nunca injetou nada no corpo. "Não havia muitas drogas que eu não usasse. Eu nunca injetei nada, o que é ótimo. Eu fumei muitas coisas. Eu estava muito triste. Foi uma época sombria da minha vida", declarou.

Porém, tinha dias que o astro queria apenas ficar com os amigos em vez de ir a festas. "[O que mais gostávamos de fazer era] Usar ecstasy e conversar por cinco horas e chegar ao fundo de algumas questões existenciais e filosóficas realmente profundas".

Na entrevista, Noah disse que reprimiu muitas emoções quando os pais se separaram e ele foi morar com a mãe em um quarto de hotel, aos 15 anos. Mas ele admitiu que está limpo há dois anos e explicou o que faz para afastar pensamentos negativos.

"Eu surto muito. Gosto de banhos longos, meditação, escrever em diários. Falo bastante comigo mesmo se estou bravo com algo que fiz. Eu realmente grito comigo, olhando para o espelho do meu quarto. Tipo, 'Cara, pare! Isso é inaceitável, você é melhor que isso!'. Eu me culpo por muitas coisas, mas também consigo me tirar delas".