PUBLICIDADE
Topo

Filmes e séries


The Rock se despede do pai: "Você quebrou barreiras da cor"

Dwayne "The Rock" Johnson em cena de Ballers - Reprodução
Dwayne "The Rock" Johnson em cena de Ballers Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

17/01/2020 13h31

O ator Dwayne Johnson, o The Rock, fez um post emocionado no Instagram, despedindo-se publicamente do pai, Rocky Johnson, que morreu nesta semana. O norte-americano falou do amor do pai e das barreiras que ele quebrou como lutador de telecatch, superando preconceitos raciais.

"Eu te amo. Você quebrou barreiras da cor, tornou-se uma lenda dos ringues e trilhou seu caminho para a verdade neste mundo", escreveu o astro de Jumanji: Próxima Fase, que estreou ontem no Brasil.

The Rock postou um vídeo de Rocky Johnson em um evento de luta livre, em que aparece sentado na plateia. "Eu era o garoto nas cadeiras, assistindo a você, te adorando, meu herói. O garoto que você ajudou a crescer sempre será orgulhoso da nossa cultura e de quem eu sou", continuou o texto.

Dwayne Johnson e o pai - Reprodução/Twitter
Dwayne Johnson e o pai
Imagem: Reprodução/Twitter

O garoto que você ajudou a crescer com o mais duro amor. O intenso trabalho. A mão dura. O garoto adorável que queria conhecer só as suas melhores habilidades. Que cresceu para se tornar um homem que entendeu que você tinha outros lados complexos a serem apoiados e entendidos. Pai para filho. Homem para homem. Foi aí que minha adoração virou respeito. E minha empatia se tornou gratidão. Sou agradecido que você me deu vida", segue The Rock.

"Estou sofrendo. Mas sabemos que é só dor e que vai passar. Agora, é hora de seguir em frente, porque tenho minha família para alimentar e trabalhos a completar. Quero que você descanse sua alma. Sem dor, sem arrependimentos, satisfeito e na boa", completou o ator.

Rocky "Soul Man" Johnson, como era conhecido dentro do mundo da luta livre de entretenimento, começou a carreira na década de 1960, e virou uma estrela ao se juntar ao WWE nos anos 80.

Ele morreu aos 75 anos. A causa ainda não foi informada.

Rocky e Tony Atlas formaram a equipe The Soul Patrol, que fez história na liga norte-americana. Alguns dos seus principais adversários na época foram Greg "The Hammer" Valentine, Don Muraco e Adrian Adonis. Rocky se aposentou oficialmente em 1991, e foi indicado ao Hall da Fama do WWE em 2008.

The Rock, interpretou o próprio pai em episódio da série That '70s Show, que foi ao ar em 1999, no começo de sua carreira como ator.

I love you. You broke color barriers, became a ring legend and trail blazed your way thru this world. I was the boy sitting in the seats, watching and adoring you, my hero from afar. The boy you raised to always be proud of our cultures and proud of who and what I am. The boy you raised with the toughest of love. The intense work. The hard hand. The adoring boy who wanted to know only your best qualities. Who then grew to become a man realizing you had other deep complex sides that needed to be held and understood. Son to father. Man to man. That's when my adoration turned to respect. And my empathy turned to gratitude. Grateful that you gave me life. Grateful you gave me life's invaluable lessons. Dad, I wish I had one more shot to tell you, I love you, before you crossed over to the other side. But you were ripped away from me so fast without warning. Gone in an instant and no coming back. Im in pain. But we both know it's just pain and it'll pass. Now I'll carry your mana and work ethic with me, as it's time to move on because I have my family to feed and work to accomplish. Finally, I want you to rest your trailblazing soul, Soulman. Pain free, regret free, satisfied and at ease. You lived a very full, very hard, barrier breaking life and left it all in the ring. I love you dad and I'll always be your proud and grateful son. Go rest high. #ripsoulman #rockyjohnson

Uma publicação compartilhada por therock (@therock) em

Filmes e séries