PUBLICIDADE
Topo

Para Jennifer Aniston, 2019 a ensinou o quanto é capaz

Do UOL, em São Paulo

04/12/2019 17h21

Capa da revista People com os melhores do ano, em 2019, a atriz americana Jennifer Aniston quebrou recordes na Netflix com sua comédia ao lado de Adam Sandler (Mistério no Mediterrâneo) e voltou à TV na série The Morning Show, que ela estrela e coproduz. Com 50 anos completados em fevereiro, ela diz que este ano a ensinou "o quanto é capaz".

Jennifer Aniston - Reprodução/People - Reprodução/People
Jennifer Aniston, capa da revista People
Imagem: Reprodução/People

"As palavras 'desafio você' ou 'não' sempre me fazem pensar em 'tudo bem, vamos ver'", ela disse em entrevista à edição desta semana da People, que estará nas bancas na sexta-feira.

Além de Aniston, outras três mulheres formam a capa da edição dedicada às Pessoas do Ano: Michelle Obama, Jennifer Lopez e Taylor Swift.

"Ser uma líder, alguém em quem as pessoas buscam orientação, você tem muitas pessoas para responder e cuidar em vários níveis", ela afirma sobre seu trabalho atrás das câmeras.

"Ser multitarefa de forma criativa e como produtora. E de maneira pessoal também. É tudo muito gratificante para mim."

Olhando para trás, Aniston diz que começou a acreditar em si mesma aos 20 anos.

"Sendo honesta comigo mesmo em termos do relacionamento com minha família", ela lembra. "Falando minha verdade para eles sem medo, e, portanto, meu trabalho refletiu isso. E então veio Friends (o seriado). Se houvesse pessimistas na minha família — 'Isso nunca, você nunca vai ganhar um centavo' —, apenas me observe. Não me ameace assim. Deus sabe agora que vou ganhar alguns centavos", ela afirma à revista.

Embora admita que normalmente não faz resoluções de Ano Novo, Aniston já está ansiosa pelo novo ano. "Estou pronta para voltar ao trabalho no programa. Estou pronta para ver o que 2020 vai me trazer", diz ela. "Estou tão empolgada pelo desconhecido".

Entretenimento