PUBLICIDADE
Topo

Música


Ludmilla expõe ofensas racistas no Prêmio Multishow: "Até quando isso?"

Ludmilla chora ao vencer o Prêmio Multishow de melhor cantora do ano - Divulgação/Multishow
Ludmilla chora ao vencer o Prêmio Multishow de melhor cantora do ano Imagem: Divulgação/Multishow

Colaboração para o UOL

31/10/2019 18h57

Ludmilla compartlhou hoje, no Instagram, um vídeo em que é chamada de "macaca" por uma pessoa no público do Prêmio Multishow, realizado na terça (29). A cantora, vencedora das categorias "Música Chiclete" e "Cantora", escreveu um texto condenando a ofensa racista.

"Até quando isso? As coisas para mim e para a maioria dos brasileiros nunca foram fáceis. Com preconceito e julgamento pela cor da pele, vocês só complicam as coisas. A vontade de me diminuir é tanta que não pensam nas consequências dos atos".

"Eu só queria deixar bem claro para vocês, racistas, que apesar de a Justiça ser lenta aqui e as pessoas que praticaram racismo comigo não terem sido punidas, não significa que a cobrança não vai chegar ou que ela está longe. Ainda bem que tenho um Deus e uma família que não me deixam desmoronar diante dos racistas", escreveu.

No Prêmio Multishow 2019, Lud recebeu sozinha, no palco do evento, o prêmio de melhor Música Chiclete por "Onda Diferente" e foi hostilizado por fãs de Anitta, que a vaiaram. Ela também venceu o prêmio de melhor cantora.

Música