Mais informação com menos tempo de leitura
Topo

Rock in Rio


Muse vê Rock in Rio esvaziar, mas faz show épico no encerramento

do UOL

07/10/2019 02h00

Muse fechou o Rock in Rio 2019 com um baita espetáculo. Apesar de muita gente ter ido embora após apresentação do Imagine Dragons, a banda fez valer a espera de quem teve que aguardar pelo show até altas horas. Enquanto a maior parte dos headliners subiu ao palco às 00h10, o trio britânico marcou seu show para as 00h40. Essa é a segunda vez que o Muse participa do Rock in Rio, a primeira foi em 2013 e ao todo, eles já vieram ao Brasil cinco vezes.

Novamente, surpreenderam o público brasileiro com as novidades Pressure, Propaganda e Thought Contagion, um dos carros chefe do álbum novo. O Muse focou no disco mais recente, Simulation Theory, lançado no ano passado, que dá nome também a atual turnê.

Com uma pegada mais eletrônica, que flerta com os anos 80, contrastando dos três últimos discos The Resistance, The 2nd Law e Drones, que trazem temas mais sombrios. Ainda assim, eles não esqueceram dos grandes sucessos Supermassive Black Hole, Madness e Starlight.

Veja trecho do show do Muse no Rock in Rio

UOL Entretenimento

Matthew Bellamy, vocalista, chegou no palco no maior estilo Daft Punk, com óculos de led e uma jaqueta toda estilizada, com rebites e muito brilho, e já embalado na faixa Algorithm. Todo o palco estava com a vibe futurista oitentista, faltaram só os outros integrantes da banda, Christopher Wolstenholme (baixo, voz secundária e teclado) e Dominic Howard (bateria e percussão), entrarem no clima.

O Muse entregou o que o povo queria, um show recheado de efeitos luminosos, fumaça e muitos sintetizadores. O mega hit Supermassive Black Hole, que ficou bem famoso por estar na trilha sonora de Crepúsculo, levantou o público no Palco Mundo. Bellamy ainda tocou guitarra com a boca durante a música, fazendo todo mundo delirar.

Ao longo da apresentação, o trio britânico - que ainda conta com um músico de apoio - passeou por sucessos da carreira e guardou o trecho final da apresentação para as canções mais pesadas, como Knights of Cydonia, que fechou a Cidade do Rock, já bem esvaziada por volta das 2h30 da manhã.

Hoje foi o último dia do Rock in Rio 2019. Pelo Palco Mundo além do Muse, passaram também Paralamas do Sucesso, Nickelback e Imagine Dragons. O Terno e Capitão Fausto abriram o palco Sunset, seguidos por Melim & Carolina Deslandes. Foram 14 horas de shows por dia, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro, com nove palcos e espaços, além da programação nas arenas.

Mais Rock in Rio